Reação alimentar indesejável em cão: relato e conduta

O caso:

Um Golden Retriever de 9 anos de idade em perfeito estado apresentava ao veterinário um longo histórico de prurido não sazonal e piodermite recorrente. O exame físico evidenciou eritema, abrasões e alopecia na pele, mas não eram lesões consistentes. Exames de sangue (hemograma completo, perfil químico sérico, tiroxina total) estavam todos dentro dos limites normais.

Continuar lendo Reação alimentar indesejável em cão: relato e conduta

Uso indiscriminado de medicamentos veterinários: a desvalorização que custa caro

Atualmente percebe-se uma crescente atividade de casas agropecuárias e pet shops: a prescrição indiscriminada de medicamentos restritos ao uso veterinário, para tratamento de diversas enfermidades que acometem cães, gatos e animais de produção. A indicação do uso desses fármacos por pessoas não qualificadas além de gerar uma desvalorização do Médico Veterinário, essencial na função prescritiva e analítica em situações clínicas, gera o falso diagnóstico que pode levar o animal a óbito, causando perdas financeiras e emocionais aos tutores/proprietários. Hoje a Vet Smart traz essa discussão frente à primeira pauta de 2016.

A prescrição de medicamentos de uso veterinário por balconistas em farmácias veterinárias concorre para utilização indiscriminada de fármacos. De acordo com Heineck et al. (1998) e Ribeiro (2004), a utilização de medicação por conta própria ou por indicação de terceiros e obtenção de drogas diretamente em farmácias sem apresentação da prescrição do medico veterinário, ou adquirida ilegalmente (contrabandeadas), estão computadas entre as formas mais comuns de automedicação em nosso meio. É frequente o registro nos consultórios, clínicas e hospitais veterinários de animais padecendo não de doenças e sim das consequências de “tratamentos” indicados por leigos sem compromisso com a vida e o bem-estar do paciente. Como por exemplo, problemas de magnitudes diversas como possíveis intoxicações, reações adversas e em longo prazo, problemas crônicos, isso pela administração do fármaco inadequado e/ou dosagens erradas (Mello et al., 2008).

Continuar lendo Uso indiscriminado de medicamentos veterinários: a desvalorização que custa caro

Prescrição na Medicina Veterinária: como fazê-la corretamente?

O Vet Smart acabou de lançar seu novo serviço gratuito com foco em otimizar e dinamizar a Prescrição Veterinária, o site para computadores de consultório Vet Smart – Receituário Inteligente.

Para promover o assunto trazemos a discussão do blog das próximas semana sobre a Prescrição Veterinária e sua importância.

Sabe-se que preencher corretamente uma prescrição médica é um dever do médico veterinário. Dessa forma, nossa preocupação é informar a comunidade veterinária, acabar com dúvidas frequentes e evitar erros prescritivos que ocorrem no exercício da profissão.

Continuar lendo Prescrição na Medicina Veterinária: como fazê-la corretamente?