Diagnóstico de gestação: ultrassom ou palpação?

O diagnóstico de gestação em bovinos e equinos tem grande importância econômica quando o assunto é produção animal. Isso porque quanto mais precoce é o diagnóstico, maiores são as chances de minimizar os custos de produção devido à possibilidade de descarte de animais improdutivos ou ainda, a remissão de problemas gestacionais quando reconhecidos rapidamente. Além disso, com o diagnóstico precoce é possível manejar melhor os animais com o planejamento de alocação, nutrição balanceada e em quantidades suficientes fazendo com que se ganhe eficiência produtiva.

O que é levado em consideração no momento do diagnóstico é a eficiência, caracterizada pela precocidade, segurança e eficácia do mesmo. O método de palpação retal é o método mais antigo e invasivo, mas pode significar menores custos. Já a ultrassonografia é um método não invasivo, que garante maiores chances de acerto, mas requer treinamento e maior disponibilidade financeira para investir em bons equipamentos. Atualmente a questão mais fomentada nas fazendas e que ainda causa certas dúvidas em produtores é: qual o método mais eficiente para diagnosticar precocemente a prenhez do rebanho?

Continuar lendo Diagnóstico de gestação: ultrassom ou palpação?