Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Ocitocina

Classificaçāo

Hormônio

Receita

Receita Simples

Espécies

Bovinos e Equinos

COMPOSIÇÃO

Em 1 mL de produto:

Ocitocina Sintética 10,00 U.I.

Veículo q.s.p. 1,00 mL

ARMAZENAMENTO

Conservar em local seco e fresco, ao abrigo da luz solar, fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Apresentações e concentrações

Este produto ainda não tem informações de Apresentações e concentrações

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Nos trabalhos de parto para encurtar o período de expulsão.

Retenção de placenta, hemorragia pós-parto e atonia do útero.

Prevenção da atonia uterina após a cirurgia cesariana.

Prolapso uterino (éguas e vacas).

Promoção da ejeção do leite.

Tratamento de mamites.

Tratamento do MMA (Síndrome mamite metrite e agalaxia).

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não aplicar o produto nos seguintes casos: desproporção céfalopélvica, isto é, quando a cervix uterina ainda não alcançou a dilatação necessária ou no parto distócico, ou seja na apresentação anormal do feto.

EFEITOS ADVERSOS

A larga experiência na utilização da Ocitocina na prática médico - veterinária, demonstrou que este produto é desprovido de efeitos secundários, desde que utilizado de acordo com sua prescrição. Entretanto, na medicina humana, a literatura descreve algumas recomendações de interesse para o Médico Veterinário.

Nas doses prescritas não há efeitos colaterais ou secundários, principalmente porque a Ocitocina é absorvida pelos rins e fígado dentro de curto período de tempo (menos de 10 minutos) após a administração.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

As dosagens excessivas poderão dar origem a contração tetânica do útero ou ruptura uterina.

Administração e doses

Via(s)

Epidural

EV

IM

Subcultânea

Recomendado

Bovinos e Equinos

2 - 5 mL / animal

Endovenosa

Recomendado

Bovinos e Equinos

1,5 - 4 mL / animal

Epidural

Recomendado

Bovinos e Equinos

1,5 - 3 mL / animal

OBSERVAÇÕES

A administração endovenosa deve ser lenta, o efeito é imediato e dura cerca de 10 minutos.

Na aplicação intramuscular ou subcutânea, o efeito se manifesta dentro de 6 a 10 minutos.

A Ocitocina não é cumulativa, podendo a dosagem ser repetida sem qualquer risco.

Interações medicamentosas

Dobutamina

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipertensão

Mecanismo de Ação

Efeito sinérgico e aditivo vasoconstritor

Conduta

Evitar o uso

Halotano

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Ocitocina e aumento do seu efeito hipotensor

Conduta

Evitar o uso

Prostaglandinas

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Aumento do efeito uterotônico

Conduta

Evitar o uso

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

As substâncias ocitócicas caracterizam-se pela sua ação seletiva sobre a musculatura lisa do útero e da glândula mamária.

A Ocitocina sintética, apresenta as mesmas propriedades químicas e farmacológicas do hormônio natural.

A Ocitocina desempenha um papel específico na contração muscular uterina, após a liberação da placenta, controlando a hemorragia, aumentando a contratibilidade nos casos de inércia e, em certas circunstâncias desfavoráveis, induzindo o trabalho de parto.

Sua ação estimulante das contrações uterinas não se verifica, entretanto, sobre o útero vazio ou o útero sadio durante o estado de prenhez, restringindo sua atividade durante o pós parto e no máximo, até 4 semanas antes do parto (Steinemenn).

A Ocitocina atua sobre a glândula mamária, esvaziando as células lactíferas, estimulando o fluxo do leite, impulsionando o conteúdo dos alvéolos para os canais galactóforos e as cisternas, esgotando completamente a glândula mamária.

Desta forma torna-se um excelente auxiliar na prevenção e tratamento das mamites porque uma considerável quantidade de exsudato, toxinas, caseínas e bactérias é expelida juntamente com o leite residual.

EFEITOS ADVERSOS

A larga experiência na utilização da Ocitocina na prática médico - veterinária, demonstrou que este produto é desprovido de efeitos secundários, desde que utilizado de acordo com sua prescrição. Entretanto, na medicina humana, a literatura descreve algumas recomendações de interesse para o Médico Veterinário.

Nas doses prescritas não há efeitos colaterais ou secundários, principalmente porque a Ocitocina é absorvida pelos rins e fígado dentro de curto período de tempo (menos de 10 minutos) após a administração.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

As dosagens excessivas poderão dar origem a contração tetânica do útero ou ruptura uterina.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.