Sobre

Aviso

Este medicamento é de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Cetirizina

Classificaçāo

Anti-histamínico

Receita

Receita Simples

Espécies

Equinos

COMPOSIÇÃO

Zyrtec® Comprimidos

Cada comprimido contém:

dicloridrato de Cetirizina 10 mg

Excipientes q.s.p. 1 comprimido (lactose, amido de milho, polivinil pirrolidona, estearato de magnésio, água deionizada, eudragite E, polietilenoglicol 6000, dióxido de titânio, talco, diclorometano, álcool isopropílico)

ARMAZENAMENTO

Mantenha o medicamento na embalagem original, em temperatura entre 15-30°C, protegido da luz, calor e umidade.

Apresentações e concentrações

Este produto ainda não tem informações de Apresentações e concentrações

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Anti-histamínico de segunda geração inibidor de receptores H1.

É usada em doenças alérgicas das vias aéreas, rinites, prurido e outros processos alérgicos.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Usar com cautela em animais idosos, nefropatas ou hepatopatas.

Não usar em pacientes com hipersensibilidade conhecida ao princípio ativo.

Não utilizar juntamente com outras drogas que produzam efeitos antimuscarínicos.

EFEITOS ADVERSOS

Produz menos efeitos adversos que outros anti-histamínicos disponíveis, porém em altas doses ainda pode observar-se sedação e efeitos antimuscarínicos.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Cautela no uso durante gestação e lactação, por não existirem estudos que garantam a segurança nessas condições. É excretada no leite.

SUPERDOSAGEM

Dosses altas causam principalmente sedação.

Administração e doses

Via(s)

Oral

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

24 / 24 horas

Doses

Recomendado

Equinos

0,2 - 0,4 mg / kg

calcular

OBSERVAÇÕES

A administração concomitante com Depressores do SNC podem modificar a absorção dessas substâncias e causar efeitos adversos.

O uso da cetirizina é, principalmente, empírico. Não há estudos clínicos que documentem sua eficácia.

Interações medicamentosas

Teofilinas

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico aumentado da cetirizina

Mecanismo de Ação

Diminuição da excreção

Conduta

Ajustar dose

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

A cetirizina, metabólito ativo da hidroxizina, é um potente antagonista seletivo dos receptores H1 periféricos, com ação supressora das reações inflamatórias provocadas pela histamina.

Além de seu efeito anti-H1, a cetirizina inibe o recrutamento tardio de células inflamatórias (principalmente eosinófilos) na pele, conjuntiva e aovéolos.

Portanto pode ser utilizado para tratamento de dermatites, principalmente aquelas com prurido, rinorreia e inflamações das vias aéreas (PAPICH, 2012).

Por ser um anti-histamínico de segunda geração não atravessa facilmente a barreira hematencefálica e consequentemente provoca menos sedação e sonolência.

FARMACOCINÉTICA

Em equinos apresenta meia vida de 5,8 (PAPICH, 2012).

Em humanos sua biodisponibilidade se apresenta de forma semelhante quando a cetirizina é administrada como soluções, cápsulas ou comprimidos.

CONSIDERAÇÕES LABORATORIAIS

Interferência em testes alérgicos cutâneos.

EFEITOS ADVERSOS

Produz menos efeitos adversos que outros anti-histamínicos disponíveis, porém em altas doses ainda pode observar-se sedação e efeitos antimuscarínicos.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Cautela no uso durante gestação e lactação, por não existirem estudos que garantam a segurança nessas condições. É excretada no leite.

SUPERDOSAGEM

Dosses altas causam principalmente sedação.

MONITORAMENTO

Monitorar a eficácia do medicamento.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Referências Bibliográficas

KNYCH, H. K. et al. Elimination of cetirizine following administration of multiple doses to exercised thoroughbred horses. J Veteret Pharmacol Ther.; 39 (5): 522-4, 2016.

LASSALINE-UTTER, M. et al. Eosinophilic keratitis in 46 eyes of 27 horses in the Mid-Atlantic United States (2008–2012). Vet Ophthalmol.; 17 (5): 311-20. 2014.

PAPICH, M. G. Manual Saunders de terapia veterinária. 3ª ed. Elsevier, Rio de Janeiro, 2012.

SANTANA, O. O. Antiarrítmicos. In: SILVA, P., 1921. Farmacologia/Penildon Silva – 8 ed. [Reimpr.]. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2010.