Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Xilazina

Classificaçāo

Sedativo

Receita

Controle Especial - Veterinário

Espécies

Bovinos e Equinos

COMPOSIÇÃO

Cada 100 mL contém:

Xilazina 200 mg

Veículo q.s.p. 100 mL

ARMAZENAMENTO

Armazenar em ambiente fresco. Em ambientes mais quentes pode, eventualmente, ser observado um ligeiro precipitado na parede do frasco, o que não interfere na eficácia do produto. Manter fora do alcance das crianças e animais domésticos.

Apresentações e concentrações

Este produto ainda não tem informações de Apresentações e concentrações

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Em virutde de suas propriedades, o produto é indicado para bovinos e equinos.

O efeito relaxante muscular de caráter central determina um relaxamento muscular geral, que completa adequadamente o estado de sonolência e de analgesia parcial ou completa.

O relaxamento muscular que se inicia precocemente favorece as mais diversas explorações manuais e leva a um campo operatório desprovido de tensões.

O tônus da musculatura do intestino grosso diminui rapidamente, mesmo em doses pequenas, inibindo assim a defecação, o que repercute favoravelmente no caso de intervenções nas extremidades posteriores e na região vulvo-anal, facilitando consideravemente a exploração retal.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Devido à possibilidade de efeito emético, não deve ser empregado em casos de obstrução esofágica, torção de estômago, hérnias e afecções pulmonares.

Evitar a injeção arterial intracarotídea.

EFEITOS ADVERSOS

Nas doses recomendadas não há efeitos colaterais.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não administrar em animais gestantes. Não é recomendável sua utilização no último mês de gestação ante a possibilidade de parto prematuro.

Administração e doses

Via(s)

IV

IM

Bovinos

Recomendado

Bovinos

0,25 - 1,5 mL / 100 kg

calcular

Equinos

Recomendado

Equinos

3 - 5 mL / 100 kg

calcular

OBSERVAÇÕES

Bovinos: via intramuscular. Doses:

0,25 mL/100 kg de massa corporal – Efeito: clara sedação analgésica para pequenas intervenções, tais como tranquilização para transporte e pesagem de animais, inseminação artificial, laparotomia, cesareana, reposição de prolapsos e de torções de útero, embriotomia.

0,5 mL/100 kg de massa corporal – Efeito: média sedação e analgesia, suficiente para pequenas cirurgias, tais como incisões de abscessos, obstruções de esôfago, lavagens de prepúcio, cirurgias em membros.

1 mL/100 kg de massa corporal – Efeito: forte sedação, analgesia ou anestesia e relaxamento muscular para intervenções cirúrgicas de maior importância em que, eventualmente, é recomendável uma anestesia complementar de infiltração ou condução. Usado em casos como amputações, cirurgias de úbere, castrações, esterilização cirúrgica de touros, ressecção de tendão flexor profundo, extração de dentes.

1,5 mL/100 kg de massa corporal – Efeito: sedação muito forte; anestesia e relaxamento muscular de maior intensidade e duração.

Precauções: nas intervenções com o animal em decúbito lateral ou decúbito supino recomenda-se situar a cabeça em posição baixa para se evitar possível aspiração de saliva ou líquido abdominal. Quando se empregar uma dose alta, é recomendável deixar o animal sem comer algumas horas antes da intervenção.


Equinos: via intravenosa

A dosificação oscila entre 3 e 5 mL/100 kg de massa corporal, sendo que em casos normais é suficiente uma dose de 4 mL/100 kg de massa corporal.

Efeito: de acordo com a dose, é possível conseguir uma sedação ligeira ou forte, com analgesia ou anestesia individualmente variáveis.

Indicações: tranquilização para o transporte e para pesagens, retirada de suturas de feridas, explorações retais, pequenas suturas, incisão de abscessos, colocação de cateteres, partos, tratamentos de olhos e ouvidos. Em combinação com anestesia local ou de condução para castração, operações de criptorquidismo e em vagina, neurotomia e suturas.

Interações medicamentosas

Adrenalina

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Arritmia ventricular

Conduta

Evitar o uso

Barbitúricos

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeitos depressores

Conduta

Ajustar dose

Cetamina

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Inibição da depressão profunda do sistema cardiovascular provocado pela Xilazina, além de reduzir a catatonia que a Cetamina produz

Conduta

Ajustar dose

Halotano

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Arritmia ventricular

Conduta

Evitar o uso

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

COMPATIBILIDADE

Não usar conjuntamente com outros produtos na mesma seringa.

EFEITOS ADVERSOS

Nas doses recomendadas não há efeitos colaterais.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não administrar em animais gestantes. Não é recomendável sua utilização no último mês de gestação ante a possibilidade de parto prematuro.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Distribuidores Ceva

Ceva

E-MAIL

sac@ceva.com

TELEFONE

0800-770-0355

REGIÕES ATENDIDAS

Todo o Brasil

Referências Bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.