Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Diminazeno (Diaceturato)
  • Fenazona (Antipirina)

Classificaçāo

Antiprotozoário

Receita

Receita Simples

Espécies

Bovinos e Equinos

COMPOSIÇÃO

Cada 100 mL do produto contém:

Diminazeno 7 g

Fenazona 37 g

Veículo q.s.p. 100 mL

ARMAZENAMENTO

Conservar em local seco e fresco, à temperatura entre 15°C e 30°C, ao abrigo de luz solar, fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Apresentações e concentrações

Este produto ainda não tem informações de Apresentações e concentrações

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Babesiose bovina (piroplasmose) causada por Babesia bigemina, Babesia argentina e Babesia bovis. Infecções mistas de babesiose e tripanossomíase (mal de cadeiras) causada por Tripanossoma congolense, Tripanossoma vivax e Tripanossoma brucei em bovinos.

Babesiose equina causada por Babesia caballi e Nutalia equi.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não administrar o produto em animais com histórico de hipersensibilidade às diamidinas a às antipirinas.

Não administrar o produto por tempo prolongado, portando seguir as recomendações descritas em bula.

EFEITOS ADVERSOS

Este medicamento é bem tolerado pelos vertebrados, podendo algumas vezes, serem observados efeitos colaterais como: tremor muscular, salivação, diarréia, queda da pressão sanguínea e pulso acelerado.

Não causa efeitos parassimpatomiméticos nem tampouco danos hepáticos, desde que administrado nas doses recomendadas.

Quanto à toxicidade, tem-se que doses terapêuticas múltiplas em cães podem causar lesões nervosas graves, principalmente ao nível do cerebelo, mesencéfalo e tálamo, além de degeneração gordurosa no fígado, rins, miocárdio e musculatura esquelética.

Em bovinos, as degenerações gordurosas são mais intensas, ao passo que as lesões nervosas podem passar despercebidas.

Não se conhece exatamente como as Diamidinas atuam no organismo dos equinos.

SUPERDOSAGEM

Doses mais elevadas dos derivados diamidínicos podem potencialmente produzir sinais do sistema nervoso central.

Administração e doses

Via(s)

IM Profunda

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

Dose única

Doses

Recomendado

Bovinos e Equinos

1 mL / 20 kg

calcular

OBSERVAÇÕES

No tratamento da tripanossomíase causada por Tripanossoma brucei as doses devem ser dobradas.

Obedecer às dosagens indicadas para o uso do produto.

Administrar somente pela via intramuscular profunda.

Doses superiores a 10 mL devem ser divididas em dois ou mais pontos de aplicação.

As dosagens e o período de tratamento poderão ser alterados a critério do médico veterinário.

Interações medicamentosas

Observações da interação

Não apresenta.

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

EFEITOS ADVERSOS

Este medicamento é bem tolerado pelos vertebrados, podendo algumas vezes, serem observados efeitos colaterais como: tremor muscular, salivação, diarréia, queda da pressão sanguínea e pulso acelerado.

Não causa efeitos parassimpatomiméticos nem tampouco danos hepáticos, desde que administrado nas doses recomendadas.

Quanto à toxicidade, tem-se que doses terapêuticas múltiplas em cães podem causar lesões nervosas graves, principalmente ao nível do cerebelo, mesencéfalo e tálamo, além de degeneração gordurosa no fígado, rins, miocárdio e musculatura esquelética.

Em bovinos, as degenerações gordurosas são mais intensas, ao passo que as lesões nervosas podem passar despercebidas.

Não se conhece exatamente como as Diamidinas atuam no organismo dos equinos.

SUPERDOSAGEM

Doses mais elevadas dos derivados diamidínicos podem potencialmente produzir sinais do sistema nervoso central.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.