Sobre

Aviso

Este medicamento é de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Cipermetrina

Classificaçāo

Antiparasitário

Receita

Receita Simples

Espécies

Bovinos e Equinos

INFORMAÇÕES AO CLIENTE

Evitar o contato de pele, olhos e boca com inseticidas.

Utilizar equipamentos de proteção durante a aplicação.

Apresentações e concentrações

Este produto ainda não tem informações de Apresentações e concentrações

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Ectoparasiticida.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não utilizar em animais doentes ou estressados.

EFEITOS ADVERSOS

Sinais de intoxicação são: salivação intensa, convulsões, incoordenação e desorientação.

SUPERDOSAGEM

O tratamento de intoxicações deve ser inicialmente evitar a absorção do produto com banhos seguido da administração de benzodiazepínicos.

Administração e doses

Via(s)

Tópica

Videos da(s) via(s)

Interações medicamentosas

Esse produto não contém interações, pois não há referências sobre ou ainda não foi preenchida por nossa equipe técnica.

Farmacologia

COMPATIBILIDADE

Comumente utilizado em formulações em associação com Carbarila, Clorfenvinfós, Clorpirifós, DDVP, Diazinon e Triclorfon.

FARMACODINÂMICA

Os priretróides penetram através da cutícula dos parasitas por possuírem propriedades lipofílicas.

Já no organismo dos artrópodes causam desequilíbrio de sódio e potássio nas células nervosas provocando incoordenação, fraqueza e paralisia.

FARMACOCINÉTICA

Os piretróides são excretados principalmente pelas vias fecal e renal, mas resíduos podem ser encontrados também no leite durante semanas após aplicação tópica.

EFEITOS ADVERSOS

Sinais de intoxicação são: salivação intensa, convulsões, incoordenação e desorientação.

SUPERDOSAGEM

O tratamento de intoxicações deve ser inicialmente evitar a absorção do produto com banhos seguido da administração de benzodiazepínicos.

MONITORAMENTO

Monitorar quanto ao surgimento de resistência parasitária.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Referências Bibliográficas

DE ANDRADE BELO, Marco Antonio et al. Eficácia de diferentes formulações no controle da mosca Haematobia irritans em bovinos naturalmente infestados. Bioscience Journal, v. 28, n. 2, 2012.

DE SANTANA, Breno Barros et al. Avaliação da eficácia de cipermetrina e amitraz contra Rhipicephalus (Boophilus) microplus no estado de Pernambuco, Brasil. Arquivos do Instituto Biológico, v. 82, p. 01-04, 2015.

MORAIS, Marcelo Borges Pacheco de. EFICÁCIA MOSQUICIDA DA CIPERMETRINA NO CONTROLE DE HAEMATOBIA IRRITANS EM BOVINOS NATURALMENTE INFESTADOS. 2016.

SOARES, Vando Edésio et al. Associação de cipermetrina, diclorvos e butóxido de piperolina contra Rhipicephalus (Boophilus) microplus em bovinos naturalmente infestados. Archives of Veterinary Science, v. 14, n. 1, 2009.