Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Ivermectina
  • Vitamina A
  • Vitamina D3
  • Vitamina E

Classificaçāo

Endectocida

Receita

Receita Simples

Espécies

Bovinos

COMPOSIÇÃO

Cada 100 mL contém:

Ivermectina 1,00 g

Vitamina A 25.000.000 UI

Vitamina D3 7.000.000 UI

Vitamina E 5.000 UI

Veículo q.s.p. 100,00 mL

INFORMAÇÕES AO CLIENTE

Respeitar práticas de antissepsia durante a aplicação do produto. Obedecer as dosagens e recomendações para uso do produto.

Não fumar ou alimentar-se durante o manuseio do produto. Lavar as mãos após o manuseio do produto.

Não reutilizar as embalagens vazias.

ARMAZENAMENTO

Mantenha este, ou qualquer outro medicamento, fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Conservar o produto ao abrigo da luz solar e à temperatura ambiente entre 15°C e 30°C.

Período de utilização após abertura do frasco: 03 (três) meses.

Apresentações e concentrações

Este produto ainda não tem informações de Apresentações e concentrações

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

É indicado para o combate e controle dos principais parasitos que acometem os bovinos:

Vermes gastrintestinais: Haemonchus placei, Oesophagostomum radiatum, Trichostrongylus axei, Cooperia punctata e Cooperia pectinata.

Berne bovino: larvas de Dermatobia hominis.

Carrapato: Rhipicephalus (Boophilus) microplus.

Além da ação endectocida, ADE-TEC é também indicado como tratamento profilático e terapêutico das hipovitaminoses A, D3 e E em todas as suas manifestações.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Nenhuma contraindicação ou limitação de uso relativo às vitaminas A, D e E é observado quando o produto for utilizado dentro da posologia proposta.

Este produto não deve ser administrado pelas vias endovenosa ou intramuscular.

EFEITOS ADVERSOS

Eventualmente, podem ocorrer reações no local de aplicação, que desaparecem sem a necessidade de tratamento.

Nenhum efeito colateral relativo às vitaminas A, D e E é observado quando o produto for utilizado dentro da posologia proposta.

Pode ocorrer desconforto ou edema transitório no local da injeção. A utilização de no máximo 10 mL por local de aplicação pode minimizar estes efeitos.

Administração e doses

Via(s)

SC

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

Dose única

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

A critério do Médico Veterinário

Doses

Recomendado

Bovinos

1 mL / 50 kg

calcular

OBSERVAÇÕES

Recomenda-se que doses superiores a 10 mL sejam divididas e aplicadas em locais diferentes.

Interações medicamentosas

Colestipol

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Vitamina E

Mecanismo de Ação

Diminuição da absorção gastrintestinal da Vitamina E

Conduta

Ajustar dose

Hidróxido de Alumínio

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Vitamina A

Mecanismo de Ação

Diminuição da absorção gastrintestinal da Vitamina A

Conduta

Ajustar dose

Neomicina

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Vitamina A

Mecanismo de Ação

Diminuição da absorção gastrintestinal da Vitamina A

Conduta

Ajustar dose

Neomicina

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Vitamina E

Mecanismo de Ação

Diminuição da absorção gastrintestinal da Vitamina E

Conduta

Ajustar dose

Pralidoxima

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico aumentado da Pralidoxima

Conduta

Ajustar dose

Spinosad

Tipo de Interação

Toxicidade

Grau de Interação

Grave

Efeito Clínico

Aumento da toxicidade da Ivermectina

Conduta

Incompatível

Sucralfato

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Vitamina E

Mecanismo de Ação

Diminuição da absorção gastrintestinal da Vitamina E

Conduta

Ajustar dose

Sucralfato

Tipo de Interação

Toxicidade

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito tóxico aditivo

Conduta

Evitar o uso

Óleo mineral

Tipo de Interação

Toxicidade

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito tóxico aditivo

Conduta

Evitar o uso

Óleo mineral

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Vitamina E

Mecanismo de Ação

Diminuição da absorção gastrintestinal da Vitamina E

Conduta

Ajustar dose

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

A ivermectina pertence à classe das lactonas macrociclícas. Essas substâncias ligam-se seletivamente e com grande afinidade pelos canais de íons cloreto glutamato mediados, que são encontrados nas células nervosas e musculares dos invertebrados.

Com a ligação da ivermectina a esses canais há aumento da permeabilidade das membranas celulares aos íons cloreto, causando hiperpolarização das células nervosas, ou musculares, levando a paralisia e conseqüente morte do parasita.

Compostos destas classes podem interagir com outros canais de íons cloreto, como os canais mediados pelo ácido gama amino butírico (GABA).

A ivermectina estimula a liberação do ácido gama amino butírico (GABA) nos neurônios pré-sinápticos.

O GABA atua como um neurotransmissor inibitório e bloqueia a estimulação pós-sináptica do neurônio pós-sináptico nos nematódeos e nas fibras musculares dos artrópodes.

Pela estimulação de liberação de GABA, a ivermectina causa paralisia e morte do parasita.

EFEITOS ADVERSOS

Eventualmente, podem ocorrer reações no local de aplicação, que desaparecem sem a necessidade de tratamento.

Nenhum efeito colateral relativo às vitaminas A, D e E é observado quando o produto for utilizado dentro da posologia proposta.

Pode ocorrer desconforto ou edema transitório no local da injeção. A utilização de no máximo 10 mL por local de aplicação pode minimizar estes efeitos.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Distribuidores Ceva

Ceva

E-MAIL

sac@ceva.com

TELEFONE

0800-770-0355

REGIÕES ATENDIDAS

Todo o Brasil

Referências Bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.