Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Benzilpenicilina Benzatina, Procaína, Potássica, Estreptomicina

Classificaçāo

Antibiótico

Receita

Receita Simples

Espécies

Bovinos e Equinos

COMPOSIÇÃO

Cada frasco-ampola com 8,3 g contém:

Benzilpenicilina benzatina (1187 UI/mg).3.000.000 UI

Benzilpenicilina procaína (1000 UI/mg) 1.500.000 UI

Benzilpenicilina potássica (1580 UI/mg) 1.500.000 UI

Estreptomicina base (sulfato) (750 mcg/mg) 2.500 mg

Cada frasco-ampola é acompanhado de 1 ampola contendo 15 mL de diluente estéril.

Níveis de garantia

Benzilpenicilina benzatina: 3.000.000 U.I.

Benzilpenicilina procaína: 1.500.000 U.I.

Benzilpenicilina potássica: 1.500.000 U.I.

Estreptomicina base (sulfato): 2.500 mg

ARMAZENAMENTO

Conservar as embalagens fechadas, em local seco e fresco, à temperatura ambiente (15°C a 30°C), ao abrigo da luz solar, fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Após a reconstituição, o produto deverá ser usado imediatamente ou conservado em geladeira por até 24 horas.

Apresentações e concentrações

Este produto ainda não tem informações de Apresentações e concentrações

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Bovinos: nos casos de septicemia hemorrágica, pneumonias e outras infecções respiratórias, pneumoenterites (batedeira), abscessos, artrites e infecções piogênicas decorrentes de ferimentos acidentais ou cirúrgicos (castração, cesariana, etc), mastites, metrites, leptospirose, actinomicose, hemoglobinúria bacilar, hepatite necrótica infecciosa, edema maligno e tétano.

Equinos: pneumonias e outras infecções respiratórias, pneumoenterites, septicemia hemorrágica, artrites, abscessos e infecções piogênicas decorrentes de ferimentos acidentais ou cirúrgicos (castração, cesariana, etc.), garrotilho ou adenite equina, tétano e epidermite exudativa.

Em todas as espécies, Mogipen é eficaz como profilático das infecções secundárias decorrentes de feridas acidentais ou cirúrgicas.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

O produto é contraindicado para animais com hipersensibilidade a penicilinas e/ou aminoglico-sídeos bem como animais com hepatopatias, cardiopatias, insuficiência renal, com lesões cocleovestibulares ou com idade inferior a um mês. Não tratar animais sabidamente alérgicos ao produto.

EFEITOS ADVERSOS

Animais hipersensíveis poderão apresentar reações alérgicas ou anafiláticas, de gravidade variável, com sintomas de salivação, tremores, vômitos, respiração difícil e edema cutâneo em algumas áreas do corpo. Recomenda-se usar epinefrina, se necessário.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não administrar em fêmeas gestantes.

SUPERDOSAGEM

A combinação antimicrobiana possui boa tolerância nas espécies para as quais está indicada. Casos de intoxicação acidental são muito raros.

Após uma sobredosagem poderão ser observados sintomas como deficiência respiratória e perda de consciência. Em casos extremos o animal poderá chegar a morte por falência respiratória e depressão vasomotora.

Ao observar sintomas de intoxicação, suprimir a administração dos medicamentos e aplicar anti-histamínicos.

Administração e doses

Via(s)

IM Profunda

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

Uma dose

Doses

Recomendado

Bovinos e Equinos

1 - 3 mL / 50 kg

calcular

OBSERVAÇÕES

Seguir as regras usuais de assepsia para preparação e administração do produto, desinfetando-se previamente a tampa do frasco e a região da injeção.

Aplicar o produto reconstituído.

Caso seja necessário, repetir a dose 05 dias após.

Geralmente uma só injeção é suficiente para se atingir a cura, porém caso seja necessário, recomenda-se, todavia a continuidade do tratamento por um período não inferior a 48 horas após o desaparecimento do quadro clínico.

Interações medicamentosas

Aminoglicosídeos

Tipo de Interação

Toxicidade

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Ototoxicidade e nefrotoxicidade

Conduta

Evitar o uso

Anestésicos Gerais

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Potencialização dos bloqueios neuromusculares

Conduta

Evitar o uso

Antibióticos Bacteriostáticos

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Grave

Conduta

Incompatível

Bloqueadores Neuromusculares

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Potencialização dos bloqueios neuromusculares

Conduta

Evitar o uso

Fenilbutazona

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Aumento da concentração sérica da Penicilina

Conduta

Ajustar dose

Furosemida

Tipo de Interação

Toxicidade

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Aumento da toxicidade

Conduta

Evitar o uso

Gluconato de Cálcio

Grau de Interação

Grave

Conduta

Incompatível

Heparina

Grau de Interação

Grave

Conduta

Incompatível

Pentobarbital

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Potencialização dos bloqueios neuromusculares

Conduta

Evitar o uso

Riboflavina

Grau de Interação

Grave

Conduta

Incompatível

Salicilato

Grau de Interação

Grave

Conduta

Incompatível

Triancinolona

Grau de Interação

Grave

Conduta

Incompatível

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

COMPATIBILIDADE

Não associar o produto com antibióticos bacteriostáticos e outros aminoglicosídeos, pentobarbital e anestésicos inalatórios, relaxantes neuromusculares, diuréticos, heparina,

gluconato de cácio, riboflavina, triamcinolona, fenibutazona e salicilatos.

EFEITOS ADVERSOS

Animais hipersensíveis poderão apresentar reações alérgicas ou anafiláticas, de gravidade variável, com sintomas de salivação, tremores, vômitos, respiração difícil e edema cutâneo em algumas áreas do corpo. Recomenda-se usar epinefrina, se necessário.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não administrar em fêmeas gestantes.

SUPERDOSAGEM

A combinação antimicrobiana possui boa tolerância nas espécies para as quais está indicada. Casos de intoxicação acidental são muito raros.

Após uma sobredosagem poderão ser observados sintomas como deficiência respiratória e perda de consciência. Em casos extremos o animal poderá chegar a morte por falência respiratória e depressão vasomotora.

Ao observar sintomas de intoxicação, suprimir a administração dos medicamentos e aplicar anti-histamínicos.

MONITORAMENTO

Verificar a função renal durante o tratamento, principalmente em animais jovens.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.