Uma Maneira Melhor de Controlar a Formação de Bolas de Pelo

Empresa

Hill's

Data de Publicação

15/03/2016

PDF

Produtos Relacionados

Uma Maneira Melhor de Controlar a Formação de Bolas de Pelo

As bolas de pelo representam uma grande preocupação para muitos proprietários de gato. Uma pesquisa indicou que 50% dos proprietários dizem que seus animais sofrem com as bolas de pelo,e metade desses animais manifestam sinais ao menos uma vez ao mês1. Qual é a causa da formação das bolas de pelo e o que pode ser feito para aliviar o problema? Vamos descobrir.

A Causa

As bolas de pelo ocorrem porque os gatos ingerem uma grande quantidade de pelos ao se limparem com a língua. Todas as raças são suscetíveis à formação das bolas de pelo, mas os gatos que se lambem excessivamente ou os de pelos mais longos e grossos estão mais predispostos ao problema. As bolas de pelo não são uma doença, mas sim um desconforto desagradável. Na maioria dos casos, os indícios são sutis e podem ser considerados parte normal da rotina dos gatos de higiene e ingestão de pelos2,3. Gatos que eliminam bolas de pelo geralmente podem ser vistos engasgando, regurgitando ou vomitando grumos de pelos com muco.

Tipos de Bolas de Pelo

Existem dois tipos de bolas de pelo. A bola de pelo típica é uma mistura macia de muco e pelos que se acumula na orofaringe, no esofâgo ou no estômago. Os tricobezoares, por outro lado, são mais graves. Eles são concreções maiores e mais duras formadas por pelos e outros materiais no estômago ou nos intestinos e podem causar vômitos, constipação e uma sensação generalizada de desconforto2. Os gatos que apresentam estes sinais clínicos graves ou frequentes devem ser avaliados para que sejam descartadas doenças metabólicas ou inflamatórias, linfoma intestinal, gastrite ou outras doenças que possam produzir os mesmos sinais4.

A Solução

Hill’s™ Science Diet™ Controle de Bolas de Pelo utiliza fibras naturais de origem vegetal que ajudam na passagem dos pelos de maneira natural e segura através do trato digestivo do gato. Pesquisas comprovam os efeitos benéficos das fibras sobre a redução de vômitos associados às bolas de pelo3. Ao contrário de outras opções terapêuticas, este alimento não contém substâncias que possam interferir no processo digestivo e na absorção de nutrientes. Um levantamento realizado com proprietários de gatos demonstrou que, em 80% dos casos, este produto atendeu às expectativas ou mesmo as excedeu com relação ao controle das bolas de pelos1. Os gatos e seus proprietários agora podem usufruir de um controle seguro, eficaz e conveniente das bolas de pelo, com o benefício adicional de uma nutrição completa e balanceada. Tipos de Bolas de Pelo Existem dois tipos de bolas de pelo.

Pontos-Chave

  • As bolas de pelo são uma preocupação comum para os proprietários de gatos1
  • Bolas de pelo "incômodas" e inofensivas devem ser distinguidas dos tricobezoares ou de outras causas mais graves de vômitos2
  • Fibras naturais de origem vegetal, como parte de uma dieta balanceada, podem facilitar a passagem segura dos pelos através do trato digestivo3
  1. “Hill’s Consumer Research Study”, Topeka, KS. Dados arquivados.
  2. Pederson, N.C. “Hairballs”. In: Pratt, P.W., ed. “Feline Husbandry: Diseases and Management in the Multiple-Cat Environment”. Goleta, G.A.: American Veterinary Publications, Inc.;1991:303.
  3. Dann, J.R.; Adler, M.A.; Duffy, K.L.; et al. “A potential nutritional prophylactic for the reduction of feline hairball symptoms”. J Nutr. 2004;134:2124S-2125S.
  4. Davenport, D.J.; Remillard, R.L.; “Introduction to gastrointestinal and exocrine pancreatic diseases”. In: Hand, M.S.; Thatcher, C.D.; Remillard, R.L.; Roudebush, P.; Novotny, B.J., eds. “Small Animal Clinical Nutrition”, 5th ed. Topeka, KS: Mark Morris Institute; 2010.

Para mais informações, contate o Serviço de Consultoria Veterinária da Hill’s (VCS): NutriClinVet@hillspet.com ou visite HillsVet.com.