Sobre

Aviso

Este medicamento é de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Glipizida

Classificaçāo

Hipoglicêmico

Receita

Receita Simples

Espécies

Gatos

ARMAZENAMENTO

Conservar em local seco, à temperatura ambiente (15°C a 30°C), ao abrigo da luz solar direta e fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Glipizida, comprimido

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Hipoglicemiante adjuvante da dieta em pacientes com diabetes melito insulinodependente (tipo II) cuja hiperglicemia não pode ser controlada apenas pela dieta.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não usar em pacientes com queimaduras extensas, trauma severo, infecções graves, coma diabético, cetose ou cetoacidose. Usar com extrema cautela em pacientes com insuficiência adrenal, hipofisaria, tireoideana, hepática ou renal, febres e vômitos intensos ou caquexia.

EFEITOS ADVERSOS

Pode causar vômito, anorexia e hipoglicemia.

Administração e doses

Via(s)

Oral

Videos da(s) via(s)

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

12 / 12 horas

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

De acordo com protocolo médico.

Doses

Recomendado

Gatos

2,5 - 7,5 mg / animal

Interações medicamentosas

Antiinflamatórios não-esteroidais

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipoglicemia

Conduta

Monitorar glicemia, ajustar dose

Fluconazol

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipoglicemia

Conduta

Monitorar glicemia, ajustar dose

Inibidores da ECA

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipoglicemia

Mecanismo de Ação

Aumento temporário na sensibilidade à insulina

Conduta

Monitorar glicemia, ajustar dose

Inibidores da MAO

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipoglicemia

Mecanismo de Ação

Desconhecido

Conduta

Monitorar glicemia, ajustar dose

Miconazol

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipoglicemia

Conduta

Monitorar glicemia, ajustar dose

Ranitidina

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipoglicemia

Mecanismo de Ação

Inibição pelo antagonista H2 do metabolismo hepático

Conduta

Ajustar dose

Salicilatos

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipoglicemia

Mecanismo de Ação

Aumento da secreção de insulina

Conduta

Monitorar glicemia, ajustar doseObservações:

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

Aumenta a secreção de insulina das células beta do pâncreas e aumenta a sensibilidade dos receptores insulínicos existentes.

FARMACOCINÉTICA

Possui meia-vida de 17 horas e concentração plasmática efetiva 70 μg/mL.

CONSIDERAÇÕES LABORATORIAIS

Pode provocar aumento das enzimas hepáticas e bilirrubina.

EFEITOS ADVERSOS

Pode causar vômito, anorexia e hipoglicemia.

MONITORAMENTO

Monitorar a glicemia e enzimas hepáticas durante o tratamento.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

FELDMAN E. C. et al. Intensive 50-week evaluation of glipizide administration in 50 cats with previously untreated diabetes mellitus. Journal of the American Veterinary Medical Association, 210(6):772-777, 1997

PAPICH, M. G. Manual Saunders de terapia veterinária. 3ª ed. Elsevier, Rio de Janeiro, 2012