Sobre

Aviso

Este medicamento é de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Doramectina

Classificaçāo

Endectoparasiticida

Receita

Receita Simples

Espécies

Cães e Gatos

INFORMAÇÕES AO CLIENTE

Respeite a dose indicada pelo médico veterinário.

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Doramectina, solução injetável
  • - Doramectina, comprimido

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Tratamento para sarnas.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não utilizar nas raças: collies, sheepdog, pastor shetland.

EFEITOS ADVERSOS

Avermectinas podem causar indiossincrasia em gatos, porém sinais de toxicidade são raros. Nas doses recomendadas apresentam boa segurança.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não utilizar em gestantes.

Administração e doses

Via(s)

Oral

IM

SC

Videos da(s) via(s)

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

- Sarna escabiótica: 1 / 1 semana;

- Sarna demodécica: 24 / 24 horas;

- Felinos: 1 / 1 semana.

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

De acordo com protocolo médico.

Sarna demodécica: 40 dias.

Canino - Cães

Sarna escabiótica

0,2 - 0,3 mg / kg

calcular

Sarna demodécica

0,6 mg / kg

calcular

Felino

Todos

Gatos

0,2 - 0,3 mg / kg

calcular

Interações medicamentosas

Observações da interação

Não informado

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

As avermectinas são absorvidas pelo parasito tanto por via oral quanto cuticular e atuam potencializando os canais de cloro. Elas se ligam ao glutamato nos canais iônicos, proporcionando a hiperpolarização que resulta na paralisia flácida e morte do parasito. Agem também sobre a neurotransmissão mediado pelo GABA.

FARMACOCINÉTICA

É possível detectar concentrações no plasma até 30 dias após aplicação intravenosa. A doramectina é excretada em sua maioria através das fezes.

EFEITOS ADVERSOS

Avermectinas podem causar indiossincrasia em gatos, porém sinais de toxicidade são raros. Nas doses recomendadas apresentam boa segurança.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não utilizar em gestantes.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

FRANCO, M. B.; HAMANN, W. Doramectina no tratamento de cães com sarna sarcóptica e nematódeos gastrintestinais. Archives of Veterinary Science, v. 9, n. 1, 2004.