Sobre

Aviso

Este medicamento pode ser encontrado em apresentações de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Tiletamina
  • Zolazepam

Classificaçāo

Anestésico Dissociativo

Receita

Receita Azul ou B

Espécies

Cães e Gatos

INFORMAÇÕES AO CLIENTE

O uso pelo homem pode causar graves riscos à saúde.

ARMAZENAMENTO

Conservar em local seco, à temperatura ambiente (15°C a 30°C), ao abrigo da luz solar direta.

Apresentações e concentrações

Opções veterinárias

Apresentações e concentrações

  • - Zolazepam; Tiletamina 50 mg/mL, solução injetável

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

A anestesia dissociativa pode ser empregada na contenção química, na indução da anestesia e na manutenção da anestesia, desde que devidamente associada a outros agentes que possam atenuar seus efeitos excitatórios (FANTONI & CORTOPASSI, 2008).

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Os agentes dissociativos devem ser evitados nos traumas cranianos, pois aumentam a pressão intracraniana. Pelo efeito simpatomimético, os dissociativos têm a tendência de causar hipertensão arterial e taquicardia, fatores que aumentam o consumo de oxigênio pelo miocárdio, por isso devem ser evitados em portadores de doenças cardíacas isquêmicas e em taquiarritmias.

EFEITOS ADVERSOS

Os efeitos colaterais mais frequentemente observados são, salivação, ganidos, vômito, apneia, recuperação prolongada, movimentos de pedalagem e excitação.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não foram estudados os efeitos do produto sobre o feto, pela qual o produto não é recomendado para fêmeas em gestação. Como transpassa a barreira placentária produz depressão respiratória no recém-nascido, os riscos da utilização em cesarianas devem ser avaliados pelo Médico Veterinário.

SUPERDOSAGEM

Em doses elevadas a tiletamina induz a tremores, movimentos espásticos e convulsões, por isso apresenta-se disponível apenas em associação com o zolazepam, que produz hipnose e relaxamento muscular.

Administração e doses

Via(s)

IM

IV

Videos da(s) via(s)

Canino - Cães

IV

6 - 10 mg / kg

calcular

IM

10 - 15 mg / kg

calcular

Felino - Gatos

IV

5 - 7 mg / kg

calcular

IM

7 - 10 mg / kg

calcular

OBSERVAÇÕES

É possível fazer a reaplicação dos agentes dissociativos, caso haja necessidade. As doses suplementares estão entre 1/3 a metade da dose inicial.

Interações medicamentosas

Observações da interação

Não informado

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

Age pelo antagonismo não competitivo dos receptores do tipo NMDA do sistema nervoso central, envolvidos com a condução dos impulsos sensorial espinhal, talâmico, límbico, subcortical e cortical. São agonistas de receptores α e β adrenérgicos e receptores opioides σ na medula espinhal. O zolazepam deprime a atividade motora espontânea e tem atividade anticonvulsivante duas vezes maior que o diazepam (FANTONI & CORTOPASSI, 2008).

FARMACOCINÉTICA

A tiletamina tem potência e duração de ação intermediárias; o período de latênciaé de 2 a 3 minutos após injeção intramuscular, a duração do efeito em torno de 60 minutos, sendo esse efieto dose-dependente.

EFEITOS ADVERSOS

Os efeitos colaterais mais frequentemente observados são, salivação, ganidos, vômito, apneia, recuperação prolongada, movimentos de pedalagem e excitação.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não foram estudados os efeitos do produto sobre o feto, pela qual o produto não é recomendado para fêmeas em gestação. Como transpassa a barreira placentária produz depressão respiratória no recém-nascido, os riscos da utilização em cesarianas devem ser avaliados pelo Médico Veterinário.

SUPERDOSAGEM

Em doses elevadas a tiletamina induz a tremores, movimentos espásticos e convulsões, por isso apresenta-se disponível apenas em associação com o zolazepam, que produz hipnose e relaxamento muscular.

MONITORAMENTO

A monitorização da função cardiovascular e respiratória devem ser realizadas em qualquer animal submetido a procedimento anestésico.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

ALMEIDA, E. M. P. et al. Efeitos cardiorrespiratórios da associação de tiletamina/zolazepam em cães (Canis familiaris) pré-tratados ou não pela acepromazina. Braz.J.vetoRes. animoSci., SãoPaulo, V.37,11.3, p.210-2/5, 2000.

FANTONI, D. T.; CORTOPASSI, S. R. G. Anestésicos dissociativos. In: ANDRADE, S. F. Manual de terapêutica Veterinária, 3 ed. São Paulo: Editora Roca, 2008, 912 p.

FANTONI, D. T. et al. Anestésicos intravenosos e outros parenterais. In: SPINOSA H. S. et al. Farmacologia Aplicada à Medicina Veterinária. 4. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.