Sobre

Aviso

Este medicamento pode ser encontrado em apresentações de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Interferon

Classificaçāo

Imunomodelador

Receita

Receita Simples

Espécies

Cães e Gatos

ARMAZENAMENTO

Deve ser armazenado e transportado sob refrigeração, entre 2°C e 6°C, fora do alcance de crianças e animais domésticos. Não congele.

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Interferon 5000.000 U/mL, frasco-ampola
  • - Intron A, solução injetável

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Indicado para estimular o sistema de pacientes com infecções virais, há tambpém indicação no tratamento de algumas neoplasias.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não vacinar pacientes em tratamento com interferon.

EFEITOS ADVERSOS

Pode induzir distúrbios gatrointestinais - vômito, náuseas e diarreia branda. Em felinos, foi observado o aparecimento de fadiga transitória.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não foi estabelecida a segurança para o uso durante a gestação e lactação.

Administração e doses

Via(s)

IV

Oral

Videos da(s) via(s)

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

12/12 horas

24/24 horas

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

5 a 7 dias

Imunomodulador

Recomendado

Gatos

30 UI / animal

Cães

0,2 UI / kg

calcular

Neoplasias

Recomendado

Cães

1.500.000 - 2.000.000 UI / m²

OBSERVAÇÕES

O tratamento deve ser feito em semanas alternadas.

A indicação de uso para animais são principalmente baseadas na extrapolação de recomendações humanas e estudos experimentais.

Interações medicamentosas

Teofilina

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico aumentado da Teofilina

Mecanismo de Ação

Desconhecido

Conduta

Ajustar dose

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

O mecanismo de ação não é muito elucidado, no entanto, sugere-se que ele aumente as defesas não específicas de cães e gatos.

Não age diretamente sobre o agente, mas inibe os mecanismos de síntese interna das células infectadas.

FARMACOCINÉTICA

Após administração possui meia-vida de 1,4 hora em cães e 1,7 hora em gatos. É ligado a receptores em células infectadas por vírus.

CONSIDERAÇÕES LABORATORIAIS

Pode haver diminuição em leucócitos, plaquetas e hemácias e aumento na concentração de alanina aminotransferase.

EFEITOS ADVERSOS

Pode induzir distúrbios gatrointestinais - vômito, náuseas e diarreia branda. Em felinos, foi observado o aparecimento de fadiga transitória.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não foi estabelecida a segurança para o uso durante a gestação e lactação.

MONITORAMENTO

Realizar hemogramas para acompanhar possíveis alterações hematológicas durante o tratamento.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

PAPICH, M. G. Manual Saunders de terapia veterinária. 3ª ed. Elsevier, Rio de Janeiro, 2012.

VIANA, K. F.; TEIXEIRA, N. S. Ribavirina e fase nervosa da cinomose: cura clínica, mas não esterilizante - Relato de dois casos*. Rev. Bras. Med. Vet., 37(1):29-32, jan/mar 2015

ZANUTTO, M. S.; HAGIWARA, M. K. Peritonite infecciosa em gatos – relato de caso. Veterinária Notícias, v. 13, n. 2 (2007)