Sobre

Aviso

Este medicamento é de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Nitazoxanida

Classificaçāo

Endoparasiticida

Receita

Receita Simples

Espécies

Gatos

INFORMAÇÕES AO CLIENTE

Recomenda-se a admnistração juntamente com alimento.

Secreções (como urina) podem apresentar coloração alterada.

ARMAZENAMENTO

Estabilidade após reconstituição: Sete dias em temperatura ambiente.

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Nitazoxanida 100 mg / 5 mL, suspensão (45 mL)
  • - Nitazoxanida 100 mg / 5 mL, suspensão (100 mL)
  • - Nitazoxanida 500 mg, comprimido (6 un)
  • - Annita 500 mg, comprimido (6 un)
  • - Annita 100 mg / 5 mL, suspensão (45 mL)
  • - Annita 100 mg / 5 mL, suspensão (100 mL)

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Endoparasiticida e protozoocida.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não administrar em animais com menos de 1 ano de idade ou severamente debilitados.

EFEITOS ADVERSOS

Geralmente são observados sinais gastrintestinais, principalmente diarreia.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Apesar de estudos em roedores não demonstrarem toxicidade ao feto, deve ser utilizada com cautela durante gestação e lactação.

SUPERDOSAGEM

Em caso de superdosagens esperam-se principalmente sinais gastrintestinais adversos.

Pode ser realizada lavagem gástrica e acompanhamento do animal com suporte sintomático.

Administração e doses

Via(s)

Oral

Videos da(s) via(s)

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

12 - 24 horas

Doses

Recomendado

Gatos

25 mg / kg

calcular

Interações medicamentosas

Esse produto não contém interações, pois não há referências sobre ou ainda não foi preenchida por nossa equipe técnica.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

Apesar de não ter seus mecanismos de ação completamente esclarecidos, acredita-se que a nitazoxanida exerça atividade antiprotozoário por causar interferência na reação de transferências de elétrons dependente da enzima piruvato-ferredoxina oxidorredutase no parasita.

Essa enzima é essencial para o seu metabolismo energético anaeróbico do protozorários.

Entende-se que este também pode ser o mecanismo de ação contra vermes, embora ainda mecanismos desconhecidos possam estar envolvidos.

FARMACOCINÉTICA

Após administração oral em humanos, a nitazoxanida é rapidamente hidrolisada a um metabólito ativo, a tizoxanida (desacetil-nitazoxanida), que, então, sofre conjugação, primariamente glicuronização. A tizoxanida é excretada na urina, bile e fezes e a tizoxanida glicuronídeo é excretada na urina e na bile.

Em animais de companhia seus efeitos farmacocinéticos não foram completamente estudados.

EFEITOS ADVERSOS

Geralmente são observados sinais gastrintestinais, principalmente diarreia.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Apesar de estudos em roedores não demonstrarem toxicidade ao feto, deve ser utilizada com cautela durante gestação e lactação.

SUPERDOSAGEM

Em caso de superdosagens esperam-se principalmente sinais gastrintestinais adversos.

Pode ser realizada lavagem gástrica e acompanhamento do animal com suporte sintomático.

MONITORAMENTO

Animais com diarreia devem ser monitorados quanto à hidratação e distúrbios de eletrólitos.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

LEAL, S. M. F. et al. Prevalência de Cryptosporidium spp. e de Giardia spp. em cães do distrito de Bragança, Portugal. 2015. Tese de Doutorado. Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária.

PAPICH, M. G. Manual Saunders de terapia veterinária. 3ª ed. Elsevier, Rio de Janeiro, 2012.

PIMENTEL, F. F. et al. Efeito do tratamento com nitazoxanida na criptosporidiose canina. Arquivos de Ciências Veterinárias e Zoologia da UNIPAR, v. 14, n. 2, p. 107-112, 2011.