Sobre

Aviso

Este medicamento pode ser encontrado em apresentações de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Vitamina B6

Classificaçāo

Vitamina

Receita

Receita Simples

Espécies

Cães e Gatos

ARMAZENAMENTO

Armazenar ao abrigo de luz e calor.

Apresentações e concentrações

Opções veterinárias

Apresentações e concentrações

  • - Vitamina B6

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Tratamento de neuralgia e neurite.

EFEITOS ADVERSOS

Reações alérgicas podem ocorrer.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não existem evidências de riscos para gestantes.

SUPERDOSAGEM

Quando utilizada em quantidades maiores do que as necessidades diárias do animal, apresenta maior potencial de toxicidade do que as outras vitaminas do complexo B, pois sua absorção não é saturável.

Em altas doses pode provocar, anorexia, faqueza muscular, ataxia e outras alterações locomotoras (MEDEIROS e PAULINO, 2011).

Administração e doses

Via(s)

Oral

Videos da(s) via(s)

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

24 horas

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

A critério do médico veterinário

OBSERVAÇÕES

Encontrada em carne, ovos, leite e cereais.

Interações medicamentosas

Esse produto não contém interações, pois não há referências sobre ou ainda não foi preenchida por nossa equipe técnica.

Farmacologia

COMPATIBILIDADE

É sensível às soluções alcalinas.

FARMACODINÂMICA

A vitamina B6 atua na forma de fosfato piridoxal e fosfato de piridoxamina (coenzimas) no metabolismo de proteínas, carboidratos e gorduras.

É essencial para o desenvolvimento normal do animal durante a fase de crescimento.

A piridoxina é necessária na manutenção das células vermelhas do sangue e na conversão do triptofano em niacina.

Além disso está presente na síntese dos neurotransmissores: serotonina, GABA, noradrenalina, acetilcolina e histamina.

Animais não ruminantes devem ingerir a vitamina na dieta diariamente, principalmente durante o crescimento.

FARMACOCINÉTICA

É sintetizada no intestino dos animais domésticos, porém sua absorção não é suficiente para as funções do organismo, devendo estar presente na dieta.

É armazenada, principalmente, no fígado e excretada através da urina.

EFEITOS ADVERSOS

Reações alérgicas podem ocorrer.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não existem evidências de riscos para gestantes.

SUPERDOSAGEM

Quando utilizada em quantidades maiores do que as necessidades diárias do animal, apresenta maior potencial de toxicidade do que as outras vitaminas do complexo B, pois sua absorção não é saturável.

Em altas doses pode provocar, anorexia, faqueza muscular, ataxia e outras alterações locomotoras (MEDEIROS e PAULINO, 2011).

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

GHIORZI, V. et al. [Acute idiophatic poliradiculoneuritis in dog - Case report.]. Polirradiculoneurite idiopática aguda em cão - Relato de caso. Revista Brasileira de Medicina Veterinária, 2000.

MEDEIROS, R. M. T. e PAULINO, C. A. Vitaminas. In: In: SPINOSA H. S. et al. Farmacologia Aplicada à Medicina Veterinária. 5. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2011.