Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Hidroxietilamido

Classificaçāo

Expansor Plasmático

Receita

Receita Simples

Espécies

Cães e Gatos

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Hidroxietilamido 60 mg/mL, solução injetável
  • - Plasmin 60 mg/mL, solução injetável
  • - Plasmin 60 mg/mL, solução injetável

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Indicado no tratamento e profilaxia de hipovolemia, choque, lesões, infecções e queimaduras quando a expansão do volume do plasma é desejada.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

É contraindicado a pacientes com hipersensibilidade conhecida ao princípio ativo, bem como em distúrbios hemorrágicos graves, insuficiência cardíaca e renal, doenças graves da coagulação e estados de hiper-hidratação.

EFEITOS ADVERSOS

É de uso limitado em medicina veterinária; portanto, não há relatos de efeitos colaterais. Contudo, pode causar reações alérgicas e disfunção renal hiperosmótica. As suspensões podem afetar a função plaquetária, em doses clinicamente relevantes, por até 24 horas.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

O uso deve ser cauteloso em fêmeas gestantes.

SUPERDOSAGEM

Altas doses podem causar sobrecarga aguda no sistema circulatório e consequentemente sinais como: : hipervolemia e aumento da pressão venosa central e pulmonar, distúrbio de coagulação, hipernatriemia e hipercloremia.

Administração e doses

Via(s)

IV

Videos da(s) via(s)

Infusão com velocidade constante

Dia

Cães

10 - 20 mL / kg/dia

Gatos

5 - 10 mL / kg/dia

Hora

Cães

0,4 - 0,8 mL / kg/hora

Gatos

0,2 - 0,4 mL / kg/hora

OBSERVAÇÕES

A dose e as taxas totais de infusão dependem da quantidade de sangue ou plasma perdido e da hemoconcentração resultante.

Interações medicamentosas

Esse produto não contém interações, pois não há referências sobre ou ainda não foi preenchida por nossa equipe técnica.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

O hidroxietilamido é um coloide sintético derivado de amido ceroso quase inteiramente composto de amilopectina. Os grupos hidroxietil-éter são introduzidos nas unidades de glicose do amido e o material resultante é hidrolizado para originar um produto com peso molecular apropriado para o uso como um agente expansor plasmático e sedimentador de eritrócitos.

FARMACOCINÉTICA

A eliminação do coloide da localização intravenosa já inicia durante a infusão, por isso não existe eliminação clássica do tempo de meia-vida.

CONSIDERAÇÕES LABORATORIAIS

A administração de hidroxietilamido pode aumentar a amilase do paciente por 2-3 dias.

EFEITOS ADVERSOS

É de uso limitado em medicina veterinária; portanto, não há relatos de efeitos colaterais. Contudo, pode causar reações alérgicas e disfunção renal hiperosmótica. As suspensões podem afetar a função plaquetária, em doses clinicamente relevantes, por até 24 horas.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

O uso deve ser cauteloso em fêmeas gestantes.

SUPERDOSAGEM

Altas doses podem causar sobrecarga aguda no sistema circulatório e consequentemente sinais como: : hipervolemia e aumento da pressão venosa central e pulmonar, distúrbio de coagulação, hipernatriemia e hipercloremia.

MONITORAMENTO

Monitor o estado de hidratação do paciente e a pressão sanguínea durante a administração.

Monitore a frequência e o ritmo cardíacos e observe os pacientes para evidência de sangramento.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Referências Bibliográficas

AVISO: algumas informações foram retiradas da bula do medicamento referência, que consta na base de dados da ANVISA. Disponível em: <http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/index.asp>

PAPICH, M. G. Manual Saunders de terapia veterinária. 3ª ed. Elsevier, Rio de Janeiro, 2012.

Zimmermann et al. Peritonite em cães. Ciência Rural, Santa Maria, v.36, n.5, p.1655-1663, set-out, 2006