Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Cetamina

Classificaçāo

Anestésico Dissociativo

Receita

Controle Especial - Veterinário

Espécies

Cães e Gatos

COMPOSIÇÃO

Cada 10 mL contém:

Cetamina (cloridrato) 1,0 g(*)

Veículo q.s.p. 10,0 mL

(*) equivalente em cetamina base

ARMAZENAMENTO

Deve ser mantido em sua embalagem original, em temperatura ambiente (15°C a 30°C) e protegido da luz solar. Manter fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Vetaset, frasco-ampola (10 mL)

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

É um agente anestésico dissociativo, de ação rápida, indicado para uso em cães, gatos e equinos, para contenção ou como agente anestésico para diagnóstico ou pequenas e rápidas intervenções cirúrgicas, que não requeiram relaxamento da musculatura esquelética. VETASET é indicado também para uso em primatas, para contenção.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não deve ser usado em animais que sofrem de insuficiência renal ou hepática. Por ser um produto metalizado no fígado e excretado pelos rins, qualquer enfermidade hepática ou renal pré-existente ou prejuízo na função desses orgãos, poderá resultar em anestesia prolongada, relacionada com complicações.

EFEITOS ADVERSOS

Foram ocasionalmente descritas depressão respiratória, parada cardíaca e morte com uso de cetamina como agente único e mais frequentemente associada a sedativos e outros anestésicos. Se eventualmente ocorrer depressão respiratória excessiva com cianose, deverão ser prontamente instituídas medidas de ressuscitação, sendo recomendada ventilação pulmonar adequada, usando oxigênio, se disponível. As reações relatadas incluem emese, salivação, vocalização, recuperação prolongada ou com distúrbios, espasticidade, convulsões, tremores musculares, hipertonicidade, opistótono, dispnéia e parada cardíaca. No gato, movimentos mioclônicos e/ou convulsões podem ser controlados com barbitúricos de ação ultra curta. Os barbitúricos deverão ser administrados por via endovenosa em dose de 1/6 a 1/4 da dose usual. Acepromazina também pode ser utilizada. A salivação, frequente em gatos medicados com VETASET®, pode ser controlada através do uso de atropina. Embora informações recentes

indiquem que alguns derivados da fenotiazina podem potencializar os efeitos tóxicos dos compostos organofosforados contidos em coleiras antipulgas e em certos antelmínticos, novos estudos indicaram que o cloridrato de cetamina, utilizado como agente único, não tem essa capacidade. O uso de medicações pré-anestésicas permite a redução da dosagem indicada.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não é recomendado para cadeias e gatas em estágio avançado de prenhez.

Administração e doses

Via(s)

IM

Videos da(s) via(s)

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

Dose Única

Doses

Recomendado

Cães

5 - 15 mg / kg

calcular

Gatos

11 - 33 mg / kg

calcular

OBSERVAÇÕES

As dosagens e vias de administração podem ser alteradas a critério do Médico Veterinário. Não exceder a dose de 50 mg/kg em gatos.

Interações medicamentosas

Barbitúricos

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido dos barbitúricos

Mecanismo de Ação

Desconhecido

Conduta

Ajustar dose

Halotano

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipotensão e diminuição do débito cardíaco

Mecanismo de Ação

Desconhecido

Conduta

Evitar o uso

Hormônio da tireóide

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Hipertensão arterial e taquicardia

Mecanismo de Ação

Desconhecido

Conduta

Evitar o uso

Tubocurarina

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Depressão respiratória prolongada

Mecanismo de Ação

Aumento na liberação de acetilcolina e uma diminuição da sensibilidade da membrana pós-sináptica

Conduta

Evitar o uso

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

EFEITOS ADVERSOS

Foram ocasionalmente descritas depressão respiratória, parada cardíaca e morte com uso de cetamina como agente único e mais frequentemente associada a sedativos e outros anestésicos. Se eventualmente ocorrer depressão respiratória excessiva com cianose, deverão ser prontamente instituídas medidas de ressuscitação, sendo recomendada ventilação pulmonar adequada, usando oxigênio, se disponível. As reações relatadas incluem emese, salivação, vocalização, recuperação prolongada ou com distúrbios, espasticidade, convulsões, tremores musculares, hipertonicidade, opistótono, dispnéia e parada cardíaca. No gato, movimentos mioclônicos e/ou convulsões podem ser controlados com barbitúricos de ação ultra curta. Os barbitúricos deverão ser administrados por via endovenosa em dose de 1/6 a 1/4 da dose usual. Acepromazina também pode ser utilizada. A salivação, frequente em gatos medicados com VETASET®, pode ser controlada através do uso de atropina. Embora informações recentes

indiquem que alguns derivados da fenotiazina podem potencializar os efeitos tóxicos dos compostos organofosforados contidos em coleiras antipulgas e em certos antelmínticos, novos estudos indicaram que o cloridrato de cetamina, utilizado como agente único, não tem essa capacidade. O uso de medicações pré-anestésicas permite a redução da dosagem indicada.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

Não é recomendado para cadeias e gatas em estágio avançado de prenhez.

MONITORAMENTO

Para evitar reações, o animal não deve ser estimulado por sons e movimentos durante o período de recuperação. Porém, isso não impede o monitoramento dos sinais vitais. É importante o monitoramento dos animais durante a indução, a manutenção e a recuperação da anestesia. Durante o período de anestesia, os animais permanecem com os olhos abertos e pupilas dilatadas. Proteger os olhos com gazes estéreis umedecidas.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Referências Bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.