Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Acetato de Megestrol

Classificaçāo

Hormônio

Receita

Receita Simples

Espécies

Cães e Gatos

COMPOSIÇÃO

Cada comprimido de 280 mg contém:

Acetato de Megestrol 20,00 mg

Excipiente q.s.p. 280,00 mg

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Singestar Comprimidos, comprimido (8 un)

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Evitar ou anular o cio na cadela ou gata; falsa gestação em cadelas; hipersexualidade do macho; adenoma de glândulas perianais; hipertrofia prostática do cão; tumores estrógeno dependentes na cadela; dermatite miliar felina; granuloma eosinofílico em gatos.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Não é aconselhável sua administração em animais que tenham sofrido de problemas uterinos ou para animais impúberes.

Administração e doses

Via(s)

Oral

Videos da(s) via(s)

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

Variável de acordo com a indicação (observar posologia).

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

Variável de acordo com a indicação (observar posologia).

OBSERVAÇÕES

• Para evitar ou anular o estro (cio) da cadela:

1. Posologia normal: 1 comprimido para cada 10kg de peso corpóreo/dia, durante 8 dias. Os comprimidos devem ser administrados assim que se apresentarem as características do cio: inflamação da vulva e sangramento vaginal. As manifestações do cio (atração dos machos e sangramento vaginal) desaparecem entre 2 a 3 dias após o início da medicação.

2. Posologia prolongada: em alguns casos, pode ser vantajoso administrar 1 comprimido para cada 10kg de peso corpóreo/dia, durante 4 dias e logo continuar com 1/4 de comprimido para cada 10kg de peso corpóreo/dia, durante 16 dias. Isto é aconselhável nos seguintes casos: cadelas com antecedentes de falsa gravidez (pseudociese); cadelas cujas manifestações de cio não são muito evidentes (cios silenciosos ou pouco aparentes); cadelas que acasalam e mostram tendências a sincronizar seus cios e também, quando se deseja evitar o primeiro cio.


• Para atrasar ou adiar o estro (cio) da cadela:

O atraso ou adiantamento do estro (cio) pode ser benéfico nas seguintes circunstâncias: feiras; exposições; hospedagem temporária de fêmeas juntamente com machos (pensões, canis); quando se deseja alcançar um espaço maior entre as ninhadas; nas fêmeas destinadas à reprodução, etc.

As doses recomendadas para atrasar o estro (cio) são as seguintes:

1. Posologia normal: 1/4 de comprimido para cada 10 kg de peso corpóreo/dia pelo período de 30 ou 40 dias. O tratamento deve ser iniciado 15 dias antes da data em que se deseja obter o efeito.

2. Posologia prolongada: 1/4 de comprimido para cada 10 kg de peso corpóreo/dia durante 30 a 40 dias, e logo a seguir 1/4 de comprimido para cada 10 kg de peso corpóreo, 2 vezes por semana, durante um período de 4 meses. Este tipo de posologia permite manter a cadela sem cios, por um período de 8 a l0 meses.


• Falsa gravidez na cadela (Pseudociese):

1 comprimido para cada 10 kg de peso corpóreo/dia durante 8 dias.

Com este tratamento desaparecem, em mais de 90% dos casos, as manifestações nervosas, o desenvolvimento mamário e a secreção láctea dentro dos primeiros 2 a 5 dias.


• Para evitar ou anular o estro (cio) da gata:

1/2 comprimido/dia durante 7 dias, continuando logo com 1/4 de comprimido, 1 ou 2 vezes por semana. O tratamento deve ser iniciado imediatamente após se perceber as manifestações características da época do cio ou chamada (as gatas miam de forma estridente, continuamente levantam as patas traseira e colocam o rabo nas costas, dando voltas sobre si mesmas).


• Atrasar ou adiar o estro (cio) na gata:

1. Durante a temporada de cria: 1/4 de comprimido por gata/dia, durante um período máximo de 2 meses. Os comprimidos devem ser administrados quando a gata estiver na temporada de cria, porém fora da época do cio ou chamada.

2. Fora da temporada de cria: 1/4 de comprimido por gata, uma vez por semana, durante um período máximo de 2 meses. Os comprimidos devem ser administrados quando a gata se encontra fora da temporada de cria (período de repouso sexual).


• Hipersexualidade do macho:

A dose inicial deve ser de 1 ou 2 comprimidos, para cada 10kg de peso corpóreo/dia, durante 7 dias. Em seguida, 1/2 comprimido para cada 10kg de peso corpóreo, durante 14 dias. Com este tratamento desaparecem em cerca de 80% dos casos, os problemas que se apresentam com major freqüência na hipersexualidade do cão: agressividade; delimitação de seu espaço com a urina; atitude de montar em pessoas e em outros cães; ficar vagando a esmo; intranqüilidade; perda de peso, etc. Em alguns casos, deve-se administrar uma dose de manutenção de 1/2 comprimido para cada 10kg de peso corpóreo, 1 ou 2 vezes por semana.


• Adenoma das glândulas perianais: 1 comprimido para cada 10kg de peso corpóreo/dia durante 20 dias ou mais. Se for feita a extirpação cirúrgica é aconselhável prescrever uma dose de manutenção de 1/2 comprimido para cada l0 kg de peso corpóreo, 1 ou 2 vezes por semana, para evitar recaídas.


• Hipertrofia prostática no cão: 1 comprimido para cada 10 kg de peso corpóreo/dia, continuando a seguir com 1/2 comprimido para cada 10kg de peso corpóreo, 2 vezes por semana.


• Tumores estrógeno dependentes na cadela: 1 comprimido para cada 10kg de peso corpóreo/dia durante 5 dias, continuando a seguir com ½ comprimido para cada 10kg de peso corpóreo/dia, durante 10 dias ou mais.


• Hipersexualidade do gato: 1/2 comprimido/gato/dia durante 7 dias, conti¬nuando a seguir com 1/4 de comprimido/dia por animal, durante l4 dias. Os problemas mais comuns apresentados na hipersexualidade dos gatos (jatos de urina; excitabilidade; vagar a esmo; miados estridentes e contínuos) desaparecem em cerca de 80% dos casos. Pode-se também ser indicada uma dose de manutenção de 1/4 comprimido/gato, 1 ou 2 vezes por semana.


• Dermatite miliar felina: 1/2 comprimido diário por animal durante 7 dias até ser alcançada a regressão do quadro clínico. Deve-se continuar logo após com uma dose de 1/4 de comprimido por animal, 2 vezes por semana, até a cura total. É aconselhável prescrever uma dose de manutenção de 1/4 de comprimido/animal, a cada 15 dias, para evitar recaídas.


• Granuloma eosinofílico dos gatos: 1/2 comprimido por animal/dia, em média, até que a lesão comece a regredir, continuando a seguir com 1/2 comprimido por animal, 1 vez por semana até a regressão total.

Interações medicamentosas

Observações da interação

Desconhecida

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

O princípio ativo de SINGESTAR COMPRIMIDOS é o acetato de megestrol, um poderoso progestágeno oral, amplamente experi¬mentado em cães e gatos, com alta margem de segurança. O acetato do megestrol atua inibindo a secreção das gonadotrofinas hipo¬fisárias e possui, além disso, acentuados efeitos anti-estrogênicos e anti-androgênicos.

Estas propriedades fazem de SINGESTAR COMPRIMIDOS não só um anticoncepcional eficaz, mas também um produto de múltiplas aplicações em Medicina Veterinária.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências Bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.