Sobre

Princípio(s) Ativo(s)

  • Cloridrato de Clindamicina

Classificaçāo

Antibiótico (grupo Lincosamidas)

Receita

Receita Simples

Espécies

Cães e Gatos

COMPOSIÇÃO

Oralguard 50 mg

Cada comprimido de 150 mg contém:

Clindamicina (cloridrato) 50,0 mg

Excipiente q.s.p. 150,0 mg


Oralguard 150 mg

Cada comprimido de 300 mg contém:

Clindamicina (cloridrato) 150,0 mg

Excipiente q.s.p. 300,0 mg

ARMAZENAMENTO

Conservar em local fresco e seco, ao abrigo da luz solar direta, fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Oralguard 50 mg, comprimido (7 un)
  • - Oralguard 50 mg, comprimido (14 un)
  • - Oralguard 50 mg, comprimido (21 un)
  • - Oralguard 50 mg, comprimido (28 un)
  • - Oralguard 150 mg, comprimido (7 un)
  • - Oralguard 150 mg, comprimido (14 un)
  • - Oralguard 150 mg, comprimido (21 un)
  • - Oralguard 150 mg, comprimido (28 un)

Indicações e contraindicações

INDICAÇÕES

Para cães, no tratamento de infecções dentárias, osteomielites e infecções de tecidos moles (feridas profundas e abscessos), causadas por ou associadas a:

- Bactérias aeróbicas: cepas susceptíveis de Staphylococcus aureus;

- Bactérias anaeróbicas: cepas susceptíveis de Bacteroides fragilis, Bacteroides melaninogenicus, Fusobacterium necrophorum e Clostridium perfringens.

Para gatos, no tratamento de infecções de tecidos moles (feridas profundas e abscessos) e infecções dentárias, causadas por ou associadas a:

- Bactérias aeróbicas: cepas susceptíveis de Staphylococcus aureus, S. intermedius e Streptococcus spp.;

- Bactérias anaeróbicas: cepas susceptíveis de Clostridium perfringens e Bacteroides fragilis.

CONTRAINDICAÇÕES / PRECAUÇÕES

Animais com histórico de hipersensibilidade aos preparados contendo clindamicina ou lincomicina.

O produto deve ser utilizado com precaução em animais atópicos.

Pacientes portadores de doença renal e/ou hepática grave, acompanhadas de alterações metabólicas severas devem ser medicados com cautela.

O cloridrato de clindamicina tem demonstrado propriedade bloqueadora neuromuscular, que pode aumentar a ação de outros agentes de ação similar. O produto deve ser utilizado com cautela em pacientes recebendo este tipo de medicação.

EFEITOS ADVERSOS

Eventualmente poderão ser observados vômito e diarréia.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

O uso em cadelas e gatas gestantes e em lactação não é recomendado.

Administração e doses

Via(s)

Oral

Videos da(s) via(s)

FREQUÊNCIA DE UTILIZAÇÃO

12/12 horas para cães, 24/24 horas para gatos

DURAÇÃO DO TRATAMENTO

Cães e gatos com infecções dentárias, feridas e abcessos: Utilizar durante 7 a 14 dias.

Cães com osteomielite: Utilizar por no minimo 28 dias.

Caninos - Cães

Infecções dentárias, feridas e abcessos

5 mg / kg

calcular

Osteomielites

10 mg / kg

calcular

Felinos

Infecções dentárias, feridas e abcessos

Gatos

10 - 20 mg / kg

calcular

OBSERVAÇÕES

Em cães, ORALGUARD® pode ser utilizado por um prazo máximo de 28 dias. A critério do Médico Veterinário, as dosagens e a duração do tratamento poderão ser modificadas. No tratamento de infecções agudas é esperada uma melhora clínica após 3 a 4 dias do início do tratamento. Caso não sejam observados sinais de melhora, o tratamento deve ser suspenso e o diagnóstico deverá ser reavaliado.

Em gatos, ORALGUARD® 50 mg pode ser utilizado por um prazo máximo de 14 dias. A critério do Médico Veterinário, as dosagens e a duração do tratamento poderão ser modificadas. No tratamento de infecções agudas é esperada uma melhora clínica após 3 a 4 dias do início do tratamento. Caso não sejam observados sinais de melhora, o tratamento deve ser suspenso e o diagnóstico deverá ser reavaliado.

Interações medicamentosas

Besilato de Atracúrio

Tipo de Interação

Sinergismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Depressão respiratória prolongada

Mecanismo de Ação

Possível sinergismo farmacológico

Conduta

Evitar o uso

Eritromicina

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Eritromicina

Conduta

Considerar outro antibiótico

Hidróxido de Alumínio

Tipo de Interação

Antagonismo

Grau de Interação

Moderado

Efeito Clínico

Efeito terapêutico diminuido da Clindamicina

Mecanismo de Ação

A Clindamicina é adsorvida pelos sais de Alumínio

Conduta

Administrar com intervalo de pelo menos 2 horas

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

FARMACODINÂMICA

A clindamicina é um antimicrobiano que age como inibidor da síntese protéica da parede celular bacteriana, atuando na sub-unidade 50-S do ribossomo. A clindamicina difere de outros inibidores de síntese protéica por causar uma modificação irreversível nos elementos sub-celulares da síntese protéica a nível dos ribossomos.

EFEITOS ADVERSOS

Eventualmente poderão ser observados vômito e diarréia.

REPRODUÇÃO, GESTAÇÃO E LACTAÇÃO

O uso em cadelas e gatas gestantes e em lactação não é recomendado.

MONITORAMENTO

No caso de utilização prolongada (acima de 30 dias) as funções renal e hepática e a contagem de glóbulos vermelhos e brancos devem ser monitoradas.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do Produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Referências Bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.