Nome da Raça

Cão Fila de São Miguel

Porte

Grande

Peso

Fêmeas: 20-30 kg Machos: 25-35 kg

Altura na Cernelha

Fêmeas: 50-60 cm Machos: 48-58 cm

Nível de atividade

Moderada

Temperamento

Inteligente, receptivo, robusto.

Adestrabilidade

Moderada

Introdução

Origem

Um cão boiadeiro, originário da Ilha de São Miguel, Açores. É conhecido também como “Cow Dog”. Sua história está ligada a do já extinto “Cão da Ilha Terceira”. A existência do Fila de São Miguel foi documentada desde o início do século XIX.

Originada em Portugal, a raça foi desenvolvida para ser cão de boiadeiro, mas, também desenvolveu a habilidade de um cão de guarda de propriedade. De temperamento forte para com estranhos, mas dócil com seu dono, é muito inteligente e muito receptivo. Na sua função, com o gado leiteiro, morde fraco, com o objetivo de não ferir as mamas das vacas.  

Nome original

Cão Fila de São Miguel

País de origem

Portugal

Características gerais

Aspectos raciais

O aspecto geral desta raça é ser robusto e durão, a cabeça é forte, com eixos longitudinais do crânio e do focinho, paralelos. Na região craniana, o crânio é largo, de forma quadrada, parte superior ligeiramente arredondado, protuberância occipital pouco aparente.

Na região facial, a rufa é larga e de cor preta; focinho tem comprimento ligeiramente mais curto que o do crânio; lábios são bem pigmentados, pendentes e firmes; perfil inferior ligeiramente arredondado; maxilares são muito poderosos e bem desenvolvidos, corretamente inseridos; boca larga; dentição completa, com mordedura em tesoura ou em torquês; olhos são ovais, expressivos, inseridos ligeiramente profundos e horizontais, de tamanho médio e cor marrom escuro; orelhas quando não cortadas, são de tamanho médio, triangulares e pendentes, mas não tocando as bochechas.

Normalmente são cortadas com as pontas arredondadas, nos países onde a amputação não é proibida. 

No corpo, o pescoço é reto, forte, de comprimento médio, inserido nos ombros e sem barbela; tronco é forte, bem musculoso, com peito largo; peito largo; dorso reto; lombo de comprimento médio, largo e musculoso; garupa tem comprimento médio em relação ao corpo e é ligeiramente mais alta que a cernelha; cauda tem inserção alta, grossa, de comprimento médio e ligeiramente curvada. Cortada na 2ª ou 3ª vértebras nos países onde a amputação não é proibida. 

Membros anteriores são fortes e colocados razoavelmente afastados e retos; ombros tem angulação escápulo-umeral ligeiramente aberta; braços são fortes, de comprimento médio e bem musculosos; antebraços grossos e bem musculosos; carpos fortes; metacarpos fortes e de comprimento médio; patas são ovais com unhas e dedos fortes. 

Membros posteriores são fortes e ficam razoavelmente afastados; coxas longas, musculosas e ângulo coxofemoral aberto; pernas de comprimento médio, musculosas; metatarsos de comprimento médio; patas são ovais, com dedos fortes, não muito arqueados e unhas fortes. 

A movimentação dessa raça é livre e fácil. Em movimento, o cão faz um ligeiro rolamento com o posterior. A pele é grossa e pigmentada. A sua pelagem é de pelo curto, liso, denso, com textura áspera, ligeiramente franjado na cauda, na região anal e por detrás das coxas. 

As cores mais comuns nessa raça são fulvo; fulvo claro com capa preta, cinza, indo das tonalidades claras para as escuras; sempre tigrado; manchas brancas são permitidas na testa e do queixo ao peito; pode ter pequenas manchas brancas nas duas patas anteriores ou nas posteriores ou nas quatro patas.

Pelo

Curto

Comportamento e cuidados

Comportamento e cuidados

Ele é, antes de tudo, um cão boiadeiro, mas igualmente um cão de guarda de propriedade. Possui temperamento forte para com estranhos, mas dócil com seu dono. Muito inteligente e muito receptivo. 

Não foram encontrados em literatura os cuidados específicos para com esta raça em questão, portanto, deve-se realizar manejo básico recomendado para qualquer cão, o que inclui escovação do pelame semanal, alimentação de qualidade, visitas periódicas ao veterinário e escovação dentária semanal.

Sensibilidade a fármacos

Não foram encontrados em literatura relatos de sensibilidade à fármacos específicos relacionados à raça em questão.

Predisposição à doenças

Não foram encontrados em literatura relatos de predisposição à doenças específicas relacionados à raça em questão.

Referências bibliográficas

CBKC Confederação Brasileira de Cinofilia. Padrão Oficial da Raça: Cão Fila de São Miguel. Disponível em: http://cbkc.org/racas. Acesso em: 15 fev. 2018. 

FOGLE, B. Guia Ilustrado Zahar Cães. 2 ed. Rio de Janeiro: Zahar, 2009. 344 p.

Imagem disponível em: https://cdn2.royalcanin.es/wp-content/uploads/2016/07/sao-miguel-1-1.jpg