Claritromicina

Princípio Ativo

Sobre

Aviso

Este medicamento pode ser encontrado em apresentações de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Claritromicina

Classificaçāo

Antibiótico (grupo Macrolídeos)

Espécies

Cães e Gatos

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Claritromicina grânulos, frasco (125 mg)
  • - Claritromicina grânulos, frasco (250 mg)
  • - Claritromicina, comprimido (500 mg)

Indicações e contraindicações

Indicações

Claritromicina (substância ativa) é indicado para o tratamento de infecções das vias aéreas superiores e inferiores e de infecções de pele e tecidos moles, causadas por todos os microorganismos sensíveis à Claritromicina (substância ativa).

Claritromicina (substância ativa) também é indicado para o tratamento de infecções disseminadas ou localizadas produzidas por Mycobacterium avium ou Mycobacterium intracellulare, e infecções localizadas causadas por Mycobacterium chelonae, Mycobacterium fortuitum ou Mycobacterium kansasii.

Contraindicações / precauções

- Claritromicina (substância ativa) é contraindicada para o uso por pacientes com conhecida hipersensibilidade aos antibióticos macrolídeos e a substância ativa.

- Claritromicina (substância ativa) não deve ser indicada para pacientes com hipocalemia (risco de prolongamento do intervalo QT).

Efeitos adversos

Náuseas, vômito, dor abdominal, diarreia e paladar alterado. Estas reações adversas geralmente são de intensidade leve e são consistentes com o perfil de segurança conhecido dos antibióticos macrolídeos.

Não houve diferença significante na incidência destes efeitos gastrointestinais durante os estudos clínicos entre a população de pacientes com ou sem infecções micobacterianas pré-existentes.

Reações comuns:

Distúrbios psiquiátricos (insônia)

Distúrbios de sistema nervoso (disgeusia e cefaleia)

Distúrbios gastrointestinais (diarreia, vômitos, dispepsia, náusea e dor abdominal)

Distúrbios hepatobiliares (teste de função hepática anormal)

Distúrbios de pele e tecidos subcutâneos (rash e hiperidrose)

Exclusivo Injetável:

Distúrbios vasculares (vasodilatação)

Dor e inflamação no local da injeção.

Administração e doses

Via(s)

Oral

Videos da(s) via(s)

Videos da(s) via(s)

Frequência de utilização

12 / 12 horas

Interações medicamentosas

Alcaloides do ergot (ex: ergotamina ou diidroergotamina)

Tipo de interação

Concomitante

Efeito Clínico

Toxicidade por ergot

Conduta

Contraindicada

Astemizol, cisaprida, pimozida e terfenadina

Tipo de interação

Concomitante

Efeito Clínico

Prolongamento QT e arritmias cardíacas incluindo taquicardia ventricular, fibrilação ventricular e torsades de pointes

Conduta

Contraindicada

Inibidores da HMG-CoA redutase (estatinas) que são extensivamente metabolizados pela CYP3A4 (lovastatina ou sinvastatina)

Tipo de interação

Concomitante

Efeito Clínico

Aumento no risco de miopatia, incluindo rabdomiólise

Conduta

Contraindicada

Midazolam oral

Tipo de interação

Coadministração

Conduta

Contraindicada

Ticagrelor e ranolazina

Tipo de interação

Concomitante

Conduta

Contraindicada

* Aviso Legal - Interações Medicamentosas - O Aplicativo Vet Smart contém informações de interação medicamentosas em geral, que foram levantadas por pesquisa realizada pelo próprio Vet Smart, de modo que as informações médicas e sobre medicamentos não é um aconselhamento médico veterinário e não deve ser tratado como tal. Portanto, a Vet Smart não garante nem declara que a informação sobre tratamentos médicos veterinários ou interações medicamentosas do Aplicativo Vet Smart: (A) estará constantemente disponível, ou disponíveis a todos; ou (B) são verdadeiras, precisas, completas, atuais ou não enganosas.

Farmacologia

Efeitos adversos

Náuseas, vômito, dor abdominal, diarreia e paladar alterado. Estas reações adversas geralmente são de intensidade leve e são consistentes com o perfil de segurança conhecido dos antibióticos macrolídeos.

Não houve diferença significante na incidência destes efeitos gastrointestinais durante os estudos clínicos entre a população de pacientes com ou sem infecções micobacterianas pré-existentes.

Reações comuns:

Distúrbios psiquiátricos (insônia)

Distúrbios de sistema nervoso (disgeusia e cefaleia)

Distúrbios gastrointestinais (diarreia, vômitos, dispepsia, náusea e dor abdominal)

Distúrbios hepatobiliares (teste de função hepática anormal)

Distúrbios de pele e tecidos subcutâneos (rash e hiperidrose)

Exclusivo Injetável:

Distúrbios vasculares (vasodilatação)

Dor e inflamação no local da injeção.

Estudos

Não há nenhum estudo relacionado à este produto.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do produto

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.