Setter Irlandês Vermelho e Branco

Nome da Raça

Setter Irlandês Vermelho e Branco

Porte

Médio

Peso

Fêmeas: 18-23 kg. Machos: 20-25 kg

Altura na Cernelha

Fêmeas: 57-61 cm. Machos: 62-66 cm

Nível de atividade

Muito Alta

Temperamento

Divertido, simpático e animado

Adestrabilidade

Moderada

Introdução

Origem

O Setter Irlandês provavelmente teve seu auge como raça no final do século XVII. Fora da Irlanda, não é de conhecimento de todos a existência de duas raças de Setters Irlandeses, mas é certo que o Vermelho e Branco é o mais antigo dos dois, e que uma seleção criteriosa na raça, evoluiu o de cor vermelha sólida. Quando os Setters Irlandeses foram expostos, em meados do século XIX, existia uma grande confusão sobre a sua cor correta.

No final do século XIX o Setter Vermelho tinha virtualmente sobrepujado o Setter Vermelho e Branco, chegando a ser tão raro que se pensava estar extinto. Durante os anos 20 muitos esforços foram feitos na tentativa de reviver a raça. Por volta de 1944, a raça estava estabelecida o bastante para ter seu próprio clube e hoje ele pode ser visto em bom número em Exposições na Irlanda e em Provas de Campo. O clube atual, Sociedade de Exposições e Trabalho do Setter Irlandês Vermelho e Branco, foi formado em 1981 e através de seu esforço e direção, a raça está bem estabelecida nacional e internacionalmente.

O Setter Irlandês Vermelho e Branco compete com muito sucesso em Provas de Trabalho contra outras raças de aponte e, no momento, existe um bom número de campeões de trabalho e de beleza.

O padrão oficial da raça foi reconhecido em 1989 pela FCI e em 2009 pela AKC.

Nome original

Irish Red and White Setter

País de origem

Irlanda

Características gerais

Aspectos raciais

O Setter Irlandês Vermelho e Branco é um cão forte, bem balanceado e bem proporcionado, sem ser pesado, mais atlético que corpulento.

A cabeça do Setter Irlandês Vermelho e Branco é larga em proporção ao corpo. Seu crânio é arredondado, mas sem mostrar a protuberância occipital, como no Setter Irlandês Vermelho. O stop é marcado. O focinho é limpo e quadrado e o maxilares são de comprimento iguais ou quase iguais. Possui dentes regulares, com mordedura ideal em tesoura, mas a mordedura em torquês é aceitável. Os olhos são de cor avelã escura ou marrom escuro, ovais, ligeiramente proeminentes e sem conjuntivas aparentes. As orelhas inseridas ao nível dos olhos, colocadas bem para trás e pendentes junto à cabeça.

Seu pescoço é moderadamente longo, muito musculoso, mas não muito grosso, ligeiramente arqueado e livre de qualquer tendência à formação de barbelas. O tronco é forte e musculoso. O tórax é profundo e com costelas bem arqueadas. A cauda é de comprimento moderado, não alcançando a ponta do jarrete. Forte na raiz e afinando em direção à ponta, sem aparência nodosa e portada ao nível ou abaixo da linha superior.

Os membros são bem musculosos e com tendões aparentes e ossos fortes. Os anteriores possuem ombros bem oblíquos. Os cotovelos são livres, sem virar para dentro ou para fora. Antebraços são retos e vigorosos, com boa ossatura e metacarpos fortes. Os membros posteriores são largos e fortes, dos quadris até os jarretes, são longos e musculosos. Os joelhos são bem angulados e os jarretes bem descidos, sem virar para dentro ou para fora. Mãos e pés possuem dedos bem fechados com abundância de pelos entre os dedos.

Ao trote, possui passadas largas, muito viva, graciosa e eficiente. A cabeça é portada alta. Os posteriores se movem com propulsão suave e poderosa. Os anteriores se movem com grande alcance e se mantêm baixos. Vistos de frente ou por trás, a ação dos anteriores e dos posteriores (abaixo dos jarretes), movem-se perpendicularmente ao solo, sem cruzar ou tricotar.

A pelagem do Setter Irlandês Vermelho e Branco é formada por um pelo longo, sedoso e fino chamado de franjas, no posterior dos membros e na parte de fora das orelhas. Também uma quantidade razoável destes pelos distribuídos pelos flancos até o peito e garganta formando uma franja. Todos os pelos das franjas são retos, lisos e não encaracolados, mas ligeiras ondulações são permitidas. A cauda deve ser bastante franjada. Em todas as outras partes do corpo o pelo deve ser curto, liso e não encaracolados. A cor de base é o branco com manchas vermelhas sólidas (ilhas bem definidas de cor vermelha), ambas as cores devem se mostrar extremamente vivas e viçosas. Pequenos salpicos sem pelos mesclados são permitidos ao redor da face e nas patas até os cotovelos, e, nos posteriores, até os jarretes. Pelos mesclados, manchas salpicadas ou mosqueadas em qualquer outra parte do corpo são indesejáveis.

Pelo

Semi-longo

Comportamento e cuidados

Comportamento e cuidados

Aristocrático, astuto e inteligente. Mostra uma atitude gentil e amiga, porém, por trás desta atitude, deve-se discernir, determinação, coragem e espírito grandioso. O Setter Vermelho e Branco é muito amigável, dependente e facilmente treinado como um cão de caça.

Fiel e carinhoso, eles também são excelentes companheiros na vida cotidiana, como uma família. Ele ama o campo porque sua vocação principal continua a ser a função do cão de caça.

Para este tipo de cão ativo e ardente, recomenda-se uma educação firme, mas não relacionada com a força. Em geral, o Setter Irlandês Vermelho e Branco têm um certo lado independente e o adestramento pode exigir mais esforço. No entanto, os ensinamentos já adquiridos nunca desaparecem.

É importante que o Setter Irlandês Vermelho e Branco realize exercícios regulares e longas caminhadas, durante sua fase de crescimento que vai até os 18 meses, para fortalecer suas articulações. O exercício ao ar livre em um quintal grande ou um parque de cães é ideal. Após a maturidade, o Setter Irlandês Vermelho e Branco é um companheiro ideal para caminhadas, corridas e ciclismo, porém sessões de treino curtas e positivas são melhores para esses cães sensíveis.

Sua pelagem necessita ser escovada pelo menos duas vezes durante a semana e banhos ocasionais, quando necessário, são recomendados.

Sensibilidade a fármacos

Não relatada

Predisposição à doenças

Hematológicas e imunológicas

Deficiência de adesão de leucócitos

Oftálmicas

Catarata

  • Suspeita de herança genética

Referências bibliográficas

http://cbkc.org/application/views/docs/padroes/padrao-raca_158.pdf

http://www.akc.org/dog-breeds/irish-red-and-white-setter/

http://www.fci.be/en/nomenclature/IRISH-RED-AND-WHITE-SETTER-330.html

http://www.cachorrogato.com.br/racas-caes/setter-irlandes-vermelho-branco/

http://www.blogdocachorro.com.br/ranking-de-inteligencia-canina/

JERICÓ, Márcia Marques; ANDRADE NETO, João Pedro de; KOGIKA, Márcia Mery. Tratado de Medicina Interna de Cães e Gatos. 1. ed. Rio de Janeiro: Roca, 2015.

GOUGH, Alex; THOMAS, Alison. Breed Predisposition to Disease in Dogs and Cats.1. Ed. Oxford:Blackwell Publishing Ltd, 2004 – página 89.

NELSON, R.W.; COUTO, C.G. Medicina interna de pequenos animais. 5. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2015.

Imagem: http://2puppies.com/wp-content/uploads/2015/10/irish-red-and-white-setter-puppies-for-sale.jpg