Schnauzer Miniatura

Nome da Raça

Schnauzer Miniatura

Porte

Pequeno

Peso

Fêmeas: 4 – 8 kg; Machos: 4 – 8 kg

Altura na Cernelha

Fêmeas: 30 – 35 cm. Machos: 30 – 35 cm

Nível de atividade

Alta

Temperamento

Vivo, Tranquilo, Leal, Equilibrado

Adestrabilidade

Alta

Introdução

Origem

A raça Schnauzer Miniatura, também conhecida por seu nome original Zwergschnauzer, foi criada no final do século XIX na região de Frankfurt, na Alemanha, provavelmente a partir dos cruzamentos entre o Schnauzer Standard e o Affenpinscher. 

Foi exibido pela primeira vez em 1899, e se estabeleceu na Alemanha por volta de 1920. Mas apenas em 1933, o AKC diferenciou o standard e o miniatura em raças separadas.

Inicialmente era chamado de Pinscher Anão de Pelo Duro e foi desenvolvido para ser um pequeno cão de fazendas e caçador de roedores.

Nome original

Zwergschnauzer

País de origem

Alemanha

Características gerais

Aspectos raciais

Sua aparência geral corresponde a um cão pequeno, forte, mais compacto que esgalgado, de pelo duro e elegante. Uma imagem reduzida do Schnauzer, sem os defeitos da aparência de nanismo.

A cabeça deve estar em equilíbrio com a força do cão. A testa é plana, sem rugas, paralela à cana nasal. Possui stop bem definido devido às sobrancelhas. A trufa é bem desenvolvida, sempre preta. O focinho termina em cunha, com cana nasal reta. 

Apresenta lábios pretos, macios e bem ajustados aos maxilares. Possui completa mordedura em tesoura (42 dentes brancos de acordo com a fórmula dentária), fortemente desenvolvida e fechada. 

Apresenta olhos de tamanho médio, ovais, frontais, escuros, com expressão viva. As orelhas são caídas, inseridas altas, em forma de V com as bordas internas estendidas próximas às bochechas, portadas uniformemente, voltadas para a frente em direção às têmporas. 

O pescoço é forte, musculoso, fortemente inserido, esbelto, de porte nobre, correspondendo à força do cão. O dorso é forte, curto e reto e o lombo é curto, forte e profundo. A garupa é ligeiramente arredondada passando imperceptivelmente para a inserção da cauda. O peito apresenta-se moderadamente largo, de diâmetro oval, atingindo o cotovelo. 

A cauda é natural; busca-se que seja portada em forma de sabre ou foice. Os membros anteriores, quando vistos de frente, são fortes, retos e não demasiadamente juntos. Vistos de perfil, são retos. Os posteriores, vistos de perfil, são colocados obliquamente; vistos por trás, são colocados paralelamente, mas não muito próximos um do outro.

Sua movimentação é flexível, elegante, ágil, livre e cobrindo o solo. A pele ajusta-se sobre todo o corpo. 

O pelo é duro, de arame e denso. Possui denso subpelo e uma pelagem de cobertura não muito curta, deitada rente ao corpo e que não deve ser eriçada, nem ondulada. Nos membros, o pelo tende a ser menos duro. Na testa e nas orelhas, é curto. Como característica típica, tem uma barba não muito macia no focinho e sobrancelhas cerradas que cobrem ligeiramente os olhos.

Cor: Preto sólido com subpelo preto, Sal e pimenta, Preto e prata, Branco puro com subpelo branco. Todas essas cores devem incluir uma máscara escura, que enfatize o aspecto típico do Schnauzer Miniatura, combinando harmoniosamente com as diversas tonalidades da pelagem. Manchas brancas, na cabeça, no peito e nos membros são indesejáveis.

Comportamento e cuidados

Comportamento e cuidados

Possui extrema inteligência, intrepidez, resistência, aptidões para guarda e gosta da companhia de pessoas, porém pode ser reservado com estranhos. Apresenta temperamento tranquilo e sereno, tornando-se um cão ideal tanto para jovens como para idosos.

Incansável e valente, a raça tem uma personalidade forte, mas é fácil adestrá-la. Possui expectativa de vida de 12 a 14 anos de idade.

É considerado um agradável cão de família, de guarda e de companhia que pode viver até mesmo em um apartamento pequeno, sem problemas.

Por ser um cão bastante ativo, necessita de exercícios físicos e mentais diariamente. São indicadas tosas higiênicas a cada dois ou três meses e escovar os pelos de uma a duas vezes por semana.

O proprietário deve atentar-se para evitar ingestão excessiva de alimentos.

Predisposição à doenças

Cardiovasculares

Síndrome do nó doente ou síndrome bradicardia-taquicardia ou disfunção do nó sinusal (cadelas)

Acidente vascular encefálico isquêmico (associado à Hiperlipidemia do Schnauzer miniatura)

Congênitas

Miotonia congênita

Fenda palatina/lábio leporino

Desvios portossistêmicos congênitos

Megaesôfago

Criptorquidismo

Endócrinas

Hiperlipidemias (hipertrigliceridemias, hiperquilomicronemias) primárias ou idiopáticas

Hipotireoidismo

Genéticas

Lipofuscinose ceroide neuronal 

Hematológicas e imunológicas

Estomatocitose (não apresenta sinais clínicos nesta raça)

Anemia Hemolítica Imunomediada

Hepatobiliares

Mucocele da vesícula biliar

Neoplásicas

Feocromocitomas (neoplasia da medula adrenal)

Neurológicas

Crises epilépticas parciais complexas

Epilepsia Idiopática

Mucopolissacaridose VI ou síndrome de Maroteaux-Lamy10 (provoca doença esquelética)

  • doença do armazenamento lipossomal

Lipofuscinose ceroide

    doença do armazenamento lipossomal

Pancreáticas

Pancreatite

Renais e urinárias

Síndrome de Fanconi (forma idiopática familial)

Doença renal familial (nefropatia juvenil)

Displasia renal

Cálculos de estruvita

Cálculos de urato

Cálculos de fosfato de cálcio

Referências bibliográficas

Padrão Oficial da Raça Schnauzer Miniatura. CBKC, abril, 2007. Disponível em: < http://cbkc.org/application/views/docs/padroes/padrao-raca_64.pdf >

Federation Cynologique Internatiole. Disponível em: <http://www.fci.be/en/>

Schnauzer Miniatura – Raças Caninas. Disponível em: < http://www.petvale.com.br/cachorros/racas-caninas/schnauzer-miniatura/>

Schnauzer Miniatura. Disponível em: < http://www.guiaderacas.com.br/schnauzer_miniatura.shtml>

Schnauzer Miniatura. Disponível em: < http://canaldopet.ig.com.br/guia-bichos/cachorros/schnauzer-miniatura/57a23d575ac14f092055b31a.html>

Schnauzer Miniatura. Disponível em: < http://www.cachorrogato.com.br/racas-caes/schnauzer-miniatura/>

Schnauzer Miniatura – Saiba tudo sobre esta raça. Disponível em: < https://www.clubeparacachorros.com.br/racas/schnauzer-miniatura/>

JERICÓ, Márcia Marques; ANDRADE NETO, João Pedro de; KOGIKA, Márcia Mery. Tratado de Medicina Interna de Cães e Gatos. 1. ed. Rio de Janeiro: Roca, 2015.

Imagem: Disponível em: < http://www.melhoramigo.dog/schnauzer-miniatura-fotos/>