Spitz Alemão

Nome da Raça

Spitz Alemão

Porte

Pequeno, Médio e Grande

Peso

Cada variedade de Spitz Alemão deverá ter um peso de acordo com seu tamanho

Altura na Cernelha

Wolfspitz / Keeshond (Spitz Lobo): 49 cm +/- 6 cm; Spitz Grande: 46 cm +/- 4 cm; Spitz Médio: 34 cm +/- 4 cm; Spitz Pequeno: 26 cm +/- 3 cm; Spitz Anão / Pomerânia: 20 cm +/- 2 cm.

Nível de atividade

Média

Temperamento

Dócil, atento e esperto

Adestrabilidade

Alta

Introdução

Origem

Os Spitz Alemães, também conhecidos como Deutscher Spitz, descendem dos cães da Idade da Pedra Peat dogs (Torfhund), Canis familiaris palustris Rüthimeyer e mais tarde o Lake Dweller’s (Pfahlbau) Spitz, as quais são as raças de cães mais antigas da Europa Central.

Inicialmente, um cão de camponeses, o Spitz Alemão tornou-se popular na realeza do século XVIII. 

Na Alemanha, a raça é reconhecida por cinco variedades de tamanho, porém quando exportados para outros países, o Toy e o Wolfspitz (Spitz Lobo), foram reconhecidos como raças separadas: o Pomeranian (Lulu da Pomerânia ou Spitz Alemão Anão) e o Keeshond (Spitz Lobo). Na América, está registrada em dois tamanhos: Mittel e Klein.

O Lulu da Pomerânia foi reconhecido pelo Kennel Clube Inglês em 1870, mas se tornou popular ao final do século XIX, após ser trazido da Itália, quando a Rainha Vitória, em visita a região de Florença, apaixonou-se pela raça, e de volta a Inglaterra iniciou a sua própria criação.

Nome original

Deutscher Spitz

País de origem

Alemanha

Características gerais

Aspectos raciais

Os Spitz cativam pela beleza de sua pelagem, feita para ficar externamente ao abundante subpelo. Particularmente impressionante é o forte tipo de juba ao redor do pescoço (“rufo”) e a espessa cauda atrevidamente portada sobre o dorso. 

A cabeça de raposa com olhos alertas e as pequenas orelhas pontudas, inseridas próximas uma da outra, dão ao Spitz sua característica única, uma aparência atrevida. 

Possui stop moderado a marcado, nunca abrupto. A trufa é redonda, pequena e de cor preto puro; marrom escuro em Spitz marrons. O focinho é harmoniosamente proporcionado ao crânio e não muito longo. 

Os lábios são completamente pretos nos Spitz de todas as cores; marrons nos Spitz marrons. Apresentam mordedura em tesoura ou em torquês; nos Spitz miniatura e anão (Pomerânia), a falta de alguns pré-molares é tolerada.

Seus olhos têm tamanho médio, de forma alongada, ligeiramente oblíquos e escuros. As pálpebras são pretas em todas as tonalidades de cores e marrom escuras nos Spitz marrons.

Os membros anteriores são retos, com a frente mais larga. Os posteriores são muito musculosos e abundantemente franjados até os jarretes. As pernas são retas e paralelas. As patas são tão pequenas quanto possíveis, redondas e fechadas, chamadas “pés de gato” com dedos bem arqueados. As unhas dos pés e os coxins são tão escuros quanto possível.

O Spitz move-se reto para frente, com boa propulsão, fluente e elástica. Sua pele cobre o corpo firmemente, sem nenhuma ruga. Possui pelagem dupla: o pelo externo é longo, reto e separado; o subpelo é curto, grosso e lanoso. Pescoço e ombros são cobertos por uma abundante juba e a cauda é espessa.

Cor: Wolfspitz / Keeshond (Spitz Lobo): Cinza sombreado; Spitz grande: Preto, marrom e branco; Spitz médio: Preto, marrom, branco, laranja, cinza sombreado, outras cores; Spitz pequeno: Preto, marrom, branco, laranja, cinza sombreado, outras cores; Spitz anão (Pomerânia): Preto, marrom, branco, laranja, cinza prateado e outras cores. 

O termo “outras cores” cobre todas as nuanças de cor, como: creme, creme-“sable” (creme-zibelina), laranja-“sable” (laranja-zibelina), preto e castanho (“tan”) e particolor (tendo o branco como cor dominante). As marcas pretas, marrons, cinzas ou laranjas devem ser distribuídas sobre o corpo inteiro.

Comportamento e cuidados

Comportamento e cuidados

O Spitz Alemão é dócil com membros de sua família e extremamente devoto ao seu proprietário. Reservado com estranhos e outros cães, possui instinto protetor muito forte, portanto mostra-se um ótimo cão de guarda, podendo até mesmo enfrentar animais e pessoas muito maiores que ele para proteger seus donos ou seu território. 

Bastante inteligente, pode ser facilmente treinado e sua natureza territorial indica que o adestramento destes cães deve ser iniciado quando o animal ainda é um filhote simplificando o treinamento e aumentando o nível de obediência e lealdade do cachorro. 

Não é nem tímido nem agressivo. Indiferente às intempéries, robustez e longevidade são seus atributos mais importantes.

Por ser considerado um animal ativo, necessita de exercícios físicos e mentais diariamente.

Seus pelos devem ser escovados por pelo menos duas vezes semanalmente; banhos e tosas higiênicas são recomendados periodicamente. 

Sensibilidade a fármacos

Complicações Anestésicas

Predisposição à doenças

Spitz Alemão Anão (Lulu da Pomerânia ou Pomeranian)

Cardiovasculares

Persistência do Ducto Arterioso

  • fêmeas são predispostas

Tetralogia de Fallot

  • congênita

Defeito do Septo Ventricular

  • congênita

Dermatológicas

Alopecia X

  • predisposição em machos
  • manifestação clínica normalmente entre 1 a 2 anos de idade

Endócrinas

Diabetes Mellitus

  • Inicia comumente antes dos 6 meses de idade

Hipotireoidismo

Hiperparatireoidismo Primário

  • cães mais velhos são afetados

Hipotireoidismo

Fisiológicas

Tamanho da Ninhada

  • Ninhadas pequenas associadas com cadelas mais velhas

Vertebral Heart Score (VHS)

  • VHS é o valor que normaliza o tamanho do coração ao tamanho do corpo utilizando as vértebras torácicas como unidade de medida
  • a raça pode ter maior VHS que o normal

Gastrointestinais

Desvio Portossistêmico

Mucocele da Vesícula Biliar

  • associado à hiperlipidemia
  • predisposição em cães mais velhos

Infecciosas

Salmonelose

Metabólicas

Obesidade/Sobrepeso

Musculoesqueléticas

Displasia do Cotovelo

Luxação de Patela

  • geralmente medial e bilateral

Displasia Coxo-femoral

Neoplásicas

Tumores da Paratireoide

  • associado ao Hiperparatireoidismo Primário

Neurológicas

Epilepsia Idiopática

  • predisposição em machos
  • Inicia entre 6 meses e 6 anos

Oftálmicas

Defeitos Crônicos Espontâneos Epiteliais da Córnea

  • Ulceração Corneana Refratária
  • Úlceras Indolentes

Renais e urinárias

Urolitíase – Oxalato de Cálcio

  • principalmente em machos

Reprodutivas

Criptorquidismo

Distocia

Eclâmpsia (Tetania Puerperal)

Respiratórias e pneumológicas

Colapso de Traqueia

Keeshond (Wolfspitz ou Spitz Lobo)

Referências bibliográficas

Padrão Oficial da Raça Spitz Alemão, incluindo o Keeshond e o Pomerânia. CBKC. Disponível em: < http://cbkc.org/application/views/docs/padroes/padrao-raca_122.pdf>

Lulu da Pomerânia. Guia de Raças. Disponível em: < http://www.guiaderacas.com.br/cachorros/racas/lulu-da-pomerania.shtml>

German Spitz. UKC. Disponível em: < https://www.ukcdogs.com/german-spitz>

Ficha do Spitz Alemão Anão. CachorroGato. Disponível em: <http://www.cachorrogato.com.br/racas-caes/spitz-alemao-anao-lulu-pomerania/>

Lulu da Pomerânia. Portal do Dog. Disponível em: < http://portaldodog.com.br/cachorros/racas-cachorros/lulu-da-pomerania/>

Lulu da Pomerânia (Spitz Alemão Anão). Tudo sobre cachorros. Disponível em: < http://tudosobrecachorros.com.br/lulu-da-pomerania-spitz-alemao-anao/>

James Buchanan Cardiology Library. Vertebral Heart Size. Disponível em: <https://www.vin.com/apputil/content/defaultadv1.aspx?pId=84&id=4253805>

THOMAS, A.; O’NEILL, D.; GOUGH, A. Breed Predispositions to Disease in Dogs. Jonh Wiley & Sons Ltd. 3 ed. 2018. 

Federation Cynologique Internationale. Disponível em: <http://www.fci.be/en/>

Imagem: Disponível em: < https://www.desktopbackground.org/wallpaper/best-animals-wallpaper-pomeranian-puppies-495775-animals-1043493>