Ciclopirox Olamina

Princípio Ativo

Sobre

Aviso

Este medicamento pode ser encontrado em apresentações de uso humano, porém com literatura técnica que baseia seu uso na medicina veterinária. O uso de suas informações é de responsabilidade do médico veterinário.

Princípio(s) Ativo(s)

  • Ciclopirox Olamina

Classificaçāo

Antifúngico

Espécies

Cães e Gatos

Armazenamento

Este medicamento deve ser mantido em sua embalagem original, em temperatura ambiente (abaixo de 25 ºC), em lugar seco e ao abrigo da luz. Nestas condições o prazo de validade é de 24 meses a contar da data de fabricação.

Apresentações e concentrações

Apresentações e concentrações

  • - Ciclopirox Olamina, frasco (15 mL)
  • - Ciclopirox Olamina, creme (10 mg), 20 g
  • - Loprox, creme (10 mg), 20 g

Indicações e contraindicações

Indicações

O ciclopirox olamina solução tópica mostra-se altamente eficaz no tratamento de praticamente todas as micoses cutâneas superficiais.

O ciclopirox olamina solução tópica é um antimicótico tópico, usado no tratamento das seguintes dermatomicoses: Tinea pedis, Tinea cruris, Tinea corporis devido a Trichophyton rubrum, Trichophyton mentagrophytes, Epidermophyton floccosum e Microsporum canis, candidíase devido a Candida albicans e pitiríase versicolor devido a Malassezia furfur.

O ciclopirox olamina é um fungicida de amplo espectro, destinado ao uso tópico. É altamente eficaz contra a maioria dos agentes causadores de micoses superficiais cutâneas. Possui atividade fungicida in vitro contra Trichophyton rubrum, Trichophyton metagrophytes, Epidermophyton flocosum, Microsporum canis e Candida albicans. Além disso, apresenta efeitos antiflogísticos e antibacterianos concomitantes sobre patógenos Gram-positivos e Gram-negativos.

Contraindicações / precauções

O ciclopirox olamina solução tópica é contra-indicado no caso de hipersensibilidade conhecida a qualquer componente da formulação. Não deve ser aplicado na região ocular.

Efeitos adversos

O ciclopirox olamina solução tópica geralmente é bem tolerado, porém como os demais fungicidas pode raramente ocorrer no local da aplicação reações cutâneas, tais como: dor, queimação, irritação, vermelhidão e coceira.

Administração e doses

Via(s)

Tópica

Videos da(s) via(s)

Frequência de utilização

12 / 12 horas

Modo de usar

A ciclopirox olamina solução tópica deve ser aplicada 2 vezes ao dia sobre a região da pele afetada friccionando suavemente. O tratamento deve prosseguir até o desaparecimento dos sintomas (usualmente 2 semanas) e para prevenir uma recorrência, recomenda-se a aplicação por 1 ou 2 semanas adicionais após o desaparecimento dos sintomas.

Observações

Não há estudos dos efeitos de ciclopirox olamina administrada por vias não recomendadas. Portanto, por segurança e para garantir a eficácia deste medicamento, a administração deve ser somente por via tópica.

O uso do ciclopirox olamina solução tópica deve ser descontinuado e a terapia apropriada instituída caso ocorra reações que caracterizem sensibilidade ou irritação química.

Interações medicamentosas

Esse produto não contém interações, pois não há referências sobre ou ainda não foi preenchida por nossa equipe técnica.

Farmacologia

Efeitos adversos

O ciclopirox olamina solução tópica geralmente é bem tolerado, porém como os demais fungicidas pode raramente ocorrer no local da aplicação reações cutâneas, tais como: dor, queimação, irritação, vermelhidão e coceira.

Estudos

Não há nenhum estudo relacionado à este produto.

Avaliações

Como você avaliaria a performance do produto?

Desempenho do produto

Muito satisfatório
Satisfatório
Insatisfatório
Muito insatisfatório

Distribuidores

Este produto ainda não tem distribuidores

Referências bibliográficas

Este produto ainda não tem Referências/Literatura Recomendada.